A ludicidade no ensino de frações para alunos com necessidades especiais: cegueira

Valdete Aparecida do Amaral Miné, Maria Dolores Martins da Cunha Coutinho

Resumo


O presente trabalho aborda um relato de experiência de uma tarefa sobre o ensino de frações com uma aluna cega, em uma turma de 4ª ano do ensino fundamental. Durante a tarefa, foram desenvolvidos os conceitos de parte-todo, medida e razão com o auxílio de material manipulativo. Usamos como referencial teórico para a elaboração da tarefa os estudos de Walle (2009) e o fascículo 4 - Frações do Programa de Formação Continuada de Professores dos Anos/Séries Iniciais do Ensino Fundamental - Pró-Letramento, além dos referenciais que esclarecem os mecanismos cognitivos de crianças portadora de deficiência. Nessa experiência pudemos perceber a importância da mediação e intervenção do professor em relação à sistematização do conceito de fração.

 


Palavras-chave


Educação Matemática. Frações. Materiais manipuláveis

Texto completo:

PDF

Referências


Brasil. (2017). Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, DF.

Delors, J.(org.) (1998). Educação: um tesouro a descobrir – Relatório para a comissão internacional sobre educação para o século XXI. São Paulo: Cortez.

Fernandes, S. H. A. A., Healy, L. (2007). Ensaio sobre a inclusão na educação Matemática.Revista Iberoamericana de Educação Matemática , 10, p. 59 - 76.

Nacarato, A. M. (2005). Eu trabalho primeiro no concreto. Revista de Educação Matemática, Vol. 9, Nº 1, pg. 1-6.

Passos, C. L. B. (2006). Materiais manipuláveis como recursos didáticos na formação de professores de matemática. In: LORENZATO, S. Laboratório de Ensino de Matemática na formação de professores. Campinas: Autores Associados, p. 77- 92.

Schliemann, A. D.; Santos, C. M.; Costa, S. C. (1992). Da compreensão do sistema decimal à construção de algoritmos. In ALENCAR, E. S.(Org.). Novas Contribuições da Psicologia aos Processos de Ensino e Processos de Ensino e Aprendizagem. Aprendizagem. São Aprendizagem. Paulo: Cortes, p.97-117.

Smole, K. S.; Diniz, M. I.; Cândido, P. (2007). Jogos de matemática de 1o a 5o ano. Porto Alegre: Artmed. (Série cadernos do Mathema – Ensino Fundamental).

Walle, J. A. V. (2009). Matemática no Ensino Fundamental: formação de professores e aplicação em sala de aula. tradução Paulo Henrique Colonese. – 6. ed. – Dados eletrônicos. – Porto Alegre : Artmed.




DOI: https://doi.org/10.30612/tangram.v2i3.10242

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/br/

TANGRAM - Revista de Educação Matemática
e-ISSN: 2595-0967

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.