Modelagem na educação matemática: contribuições da teoria a prática

Autores

  • Marcelo Navarro Silva SEESP
  • Simone Bueno SEESP

DOI:

https://doi.org/10.30612/tangram.v4i4.12243

Palavras-chave:

Educação matemática, Prática EducativaMatemática, Modelagem Matemática

Resumo

Este artigo tem como objetivo mostrar a relação entre a Modelagem Matemática e exemplos de atividades práticas desenvolvidas em sala de aula. Acredita-se que o potencial da Modelagem pode auxiliar no desenvolvimento da aprendizagem dos alunos e permitindo ainda a reflexão dos docentes nas ações de seu planejamento. Apresenta-se teóricos da Modelagem Matemática: Bassanezi, Barbosa e Davis e Hersh entre outros, que caracterizam a área de estudo e permitem maiores reflexões sobre o assunto. Demonstra-se que algumas atividades que foram desenvolvidas no 9° ano do Ensino Fundamental. Correlaciona-se a teoria com as atividades e concluímos que as atividades desenvolvidas na Modelagem Matemática estimulam os alunos em suas aprendizagens, assim como auxiliam no planejamento do professor. Identifica-se ainda que a Modelagem Matemática permite diálogos entre os diferentes saberes, e interlocutores do processo de ensino e aprendizagem. E por fim, conclui-se que a pesquisa dessa grandeza deve ser utilizada nos processos de formação de professores.

Referências

BARBOSA, J. C. (2004). Modelagem Matemática. O que é ? Por que ? Como? Veritati, n. 4, p.73 - 80

BARRETO, A. C. (1971). Tópicos de análise, Brasil, IMPA (Instituto de Matemática Pura e Aplicada)

BASSANEZI, R. C. (1994). Modelagem Matemática. Dynamis, Brasil. Blumenau, v. 2, n. 7, p. 55-83, abril/junho

BASSANEZI, R. C. (1999). Modelagem Matemática: Uma disciplina emergente nos programas de formação de professores. Biomatemática IX. p.9-22

BASSANEZI, R. C. (2002). Modelagem Matemática. Brasil. Editora Contexto

BIEMBENGUT, M. S. (1999). Modelagem Matemática & Implicações no Ensino-Aprendizagem de Matemática. Brasil, Blumenau, Editora da FURB

BOOTH, D. (1989). Transformation geometry concepts in children´s spontaneous pattern painting in the primary school. In: BLUM, Werner; NISS, Mogens; HUNTLEY, Ian (orgs.). Modelling, applications and applied problem solving: teaching mathematics in a real context. Chichester –Inglaterra, Ellis Horwood, p.70-77

BURAK, D.; KLÜBER, T. E. (2008). Educação Matemática: contribuições para a compreensão de sua natureza. In: Acta Scientiae, Brasil, (ULBRA), v. 10, p. 93 – 106, julho/dezembro

CARVALHO, D. L., MIGUEL, A. MENDES, I. A. e BRITO, A. de J. (2009). História da Matemática em atividades didáticas. Brasil, 2ª ed São Paulo: Editora Livraria da Física

DAMBRÓSIO, Ubiratan. (1986). Da realidade à ação — reflexões sobre educação e matemática. Brasil, São Paulo, SUMMUS/UNICAMP. 115p.

D´AMBROSIO, U. (1999). A história da matemática: questões historiográficas e políticas e reflexos na Educação Matemática. In: BICUDO, M. A. V.(org.). Pesquisa em Educação Matemática: concepções e perspectivas. Brasil, São Paulo: UNESP, p. 97-115.

DAVIS, P. J., HERSH, R. (1986). A Experiência Matemática. Brasil, Rio de Janeiro, Francisco Alves

FERREIRA, E. S. (1994). A importância do conhecimento etnomatemático Indígena na escola dos não-índios. Eni Aberto, Brasil, Brasília, ano 14, n. 62, abril/junho

FERREIRA, D.H.L.; WODEWOTZKI, M.L.L. (2007). Questões ambientais e Modelagem Matemática: uma experiência com alunos do ensino fundamental. In: BARBOSA, Jonei Cerqueira, CALDEIRA, Ademir Donizeti, ARAUJO, Jussara de Loiola.(orgs.). Modelagem Matemática na Educação Matemática Brasileira: Pesquisas e práticas educacionais. Recife, SBEM, p.115-132

FRIEDMANN, C.V.P.;LOZANO, A.G. (2007). Modelagem e modelos discretos: uma necessidade do ensino atual. In: BARBOSA, Jonei Cerqueira, CALDEIRA, Ademir Donizeti, ARAUJO, Jussara de Loiola.(orgs.). Modelagem Matemática na Educação Matemática Brasileira: Pesquisas e práticas educacionais. Recife, SBEM, p.133-148

GAZZETA, M. A. (1989). Modelagem como estratégia de ensino da Matemática em cursos de aperfeiçoamento de professores. Dissertação (Mestrado em Educação) - Instituto de Geociências e Ciências Exatas – UNESP. Brasil, Rio Claro

GRANDSARD, F.; SCHATTEMAN, A. (1989). Problem solving for first year university students In: BLUM, Werner; NISS, Mogens; HUNTLEY, Ian (orgs.). Modelling, applications and applied problem solving: teaching mathematics in a real context. Chichester –Inglaterra, Ellis Horwood, p.177-183

HERMINIO, M. H. G., BORBA, M. C. (2010). A noção de interesse em projetos de modelagem Matemática, Revista: Educação Matemática e Pesquisa, Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Brasil, São Paulo, v. 12, n.1, p.111-127

MALHEIROS, A. P. S. (2008). Educação Matemática online: a elaboração de projetos de Modelagem Matemática. Tese (Doutorado em Educação Matemática) - Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE), Universidade Estadual Paulista (UNESP), Brasil, Rio Claro – São Paulo

MATURANA, H. R., VARELA, F. G. (1999). A Árvore do Conhecimento, tradução de Jonas Pereira dos Santos. Editora Psy II: Brasil, Campinas

PONTE, J.P. (199). Matemática: Uma disciplina condenada ao insucesso? Portugal Universidade de Lisboa

SANT´ANA, M.F. (2007). Modelagem de experimento e ensino de Cálculo. In: BARBOSA, Jonei Cerqueira, CALDEIRA, Ademir Donizeti, ARAUJO, Jussara de Loiola.(orgs.). Modelagem Matemática na Educação Matemática Brasileira: Pesquisas e práticas educacionais. Recife, SBEM, p.149-160

TOLEDO, E. C. V., MEYER J. F. C. A., FILHO, R. B. (2005). Modelagem Dinâmica de um reator de Hidrotratamento. 3º Congresso Brasileiro de P&D em petróleo e gás. Brasil, Salvador, Bahia. Disponível em <http://www.portalabpg.org.br/PDPetro/3/trabalhos/IBP0186_05.pdf>

TORTOLA, E. (2012). Os usos da linguagem em atividades de modelagem Matemática nos anos iniciais do ensino fundamental. 2012. 168 p. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) - Universidade Estadual de Londrina, Brasil, Londrina

WITTGENSTEIN, L. (1980). Remarks on the philosophy of psychology (RPP, 1). Oxford: Blackwell

WITTGENSTEIN, L. (2012). Investigações Filosóficas. 7. ed. Tradução de Marcos G. Montagnoli. Petrópolis: Editora Vozes; Bragança Paulista: Editora Universitária São Francisco, Brasil. 350 p. Tradução de: Philosophische Untersuchungen.

Downloads

Publicado

01/12/2021

Como Citar

Silva, M. N., & Bueno, S. (2021). Modelagem na educação matemática: contribuições da teoria a prática. TANGRAM - Revista De Educação Matemática, 4(4), 114–138. https://doi.org/10.30612/tangram.v4i4.12243

Edição

Seção

Artigos