Caminhos da educação bilíngue no Brasil: perspectivas da linguística aplicada

Antonieta Megale, Fernanda Liberali

Resumo


Vivemos um momento histórico em que a superdiversidade cria uma
composição e abundância de variáveis importantes que afetam onde, como e com quem as pessoas vivem. Nesse cenário, a importância da formação multilíngue em diferentes países se intensificou e, consequentemente, a criação de escolas bilíngues de prestígio também. O objetivo deste texto é traçar um panorama da Educação Bilíngue de Elite no Brasil no que se refere (i) ao crescimento dessas escolas, (ii)
a pesquisas realizadas em programas de Linguística Aplicada em Universidades brasileiras, (iii) a artigos com essa temática publicados em periódicos da área de Linguística Aplicada e (iv) a comunicações orais que abordaram Educação Bilíngue de Elite, apresentadas em congressos e eventos especializados. Organizar-se-á para uma apresentação do contexto multicultural globalizante que sustenta o interesse pela
área e para discussão de sua relação com a educação bilíngue. Discutirá definições de Educação Bilíngue e Educação Bilíngue de Elite em circulação no país. Abordará as pesquisas e atividades realizadas no contexto brasileiro, por meio da apresentação do número de escolas e pesquisas na área, além de alguns pesquisadores com suas instituições, envolvidos com o tema. Ademais, explicitará o cenário e a problemática
no país. Finalmente, apontaremos algumas lacunas definidas nas pesquisas nacionais, correlacionadas às internacionais. 


Palavras-chave


Educação Bilíngue de Elite. Linguística Aplicada. Pesquisas. Atividades. Lacunas.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.