Semântica cultural: um estudo acerca da atribuição de sentidos às palavras e expressões da língua

Núbia Régia de Almeida, Dieysa Kanyela Fossile

Resumo


Neste artigo, pretendemos demonstrar que os aspectos culturais de uma comunidade linguística influenciam na atribuição de sentidos às palavras e às expressões de uma língua. Para isso, adotamos estudos que remetem à Semântica Cultural. Desse modo, utilizamos como aporte teórico estudos de Eagleton (2005), Chauí (1995), Ferrarezi (2013, 2008), Fossile (2013), Oliveira (2009), Garcia (2001), entre outros. Este estudo é de ordem bibliográfica e a abordagem é de caráter qualitativo, tendo em vista que promovemos um diálogo entre diversas informações teóricas ancoradas à Semântica Cultural e a exemplos elucidativos. Partimos da premissa de que o par, cultura vs. língua, estabelece uma relação concomitante e são elementos indissociáveis na constituição dos sentidos que são submetidos às palavras e às expressões da língua. No que tange à Educação Básica, concluímos que a Semântica Cultural contribui para o ensino da língua materna, valorizando, principalmente, os aspectos linguístico-culturais que o discente traz consigo.

Palavras-chave


Semântica Cultural. Atribuição de sentidos. Ensino.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.