Budapeste: teoria em ficção

Adrieli Aparecida Svinar Oliveira, Paulo Custódio de Oliveira

Resumo


Esse artigo procura demonstrar o quanto o livro Budapeste (2003), de Chico Buarque de Holanda, é um exercício de ficção e de teoria. Buscaremos mostrar que as questões pontuadas pelo romance são relevantes para o cenário da obra de arte literária nesse início de século XXI. O aspecto mais explorado será o da metaficcionalidade, porém, sem descuidar de outros, como autoria e construção de estilo individual no cenário pós-moderno, que estão também no escopo desta grande obra.

Palavras-chave


Budapeste. Ficção contemporânea. Metaficção.

Texto completo:

PDF

Referências


BARTHES, Roland. A morte do autor. In: BARTHES, Roland. O Rumor da

Língua. Tradução de Trad. Mário Laranjeira. São Paulo: Brasiliense, 1988, pp. 65-70.

BHABHA, Homi K. O local da cultura. Trad. Eliana Lourenço de Lima Reis,

Gláucia Renate Gonçalves e Myriam Ávila. 2. reimp. Belo Horizonte: Ed. da UFMG, 2003.

BUARQUE, C. Budapeste. 2 ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

COMPAGNON, A. O demônio da teoria: Literatura e senso comum. Belo Horizonte: UFMG, 1999.

FARIA, Zênia de. A metaficção revisitada: uma introdução. In: Revista Signótica, Goiânia, v. 24, n. 1, pp. 237-251, jan./jun. 2012. Disponível em: .

Acesso em: 20 nov. 2013.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

VARGAS, Andrea Quilian de; UMBACH, Rosani. A identidade em questão em Budapeste, de Chico Buarque. Estação Literária, Londrina, Vagão-volume 8 parte B, pp. 66-74, dez. 2011. Disponível em: . Acesso em: 23 abr. 2014.

WANDERLEY, J. Literatura. In: JOBIM, J. L. (Org.). Palavras da crítica. Rio de Janeiro: Imago, 1992, pp. 253-265, Coleção Pierre Menard.

ZONIN, Carina Dartora. A inversão do humano num mundo às avessas em Budapeste, de Chico Buarque de Holanda. In: IX SEMANA DE LETRAS; FALE/PUCRS, 2009, Porto Alegre. Anais, Porto Alegre: EDIPUCRS, 2009, pp. 202-221. Disponível em:.

Acesso em: 20 abr. 2014.






Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.