As exéquias do rei Barroco: por um trono vazio

Cláudio Guilarduci

Resumo


As manifestações religiosas barrocas são “exuberantes” e possibilitam a experimentação e a reflexão em torno de questões especificamente teatrais, pois tanto os momentos de festa como os momentos ritualísticos trazem em si um jogo que articula duas categorias – sincronia e diacronia – possibilitando o próprio funcionamento do jogo e do rito. A partir da dimensão teatral, o presente artigo objetiva analisar, sobretudo,o cenário religioso contido no sermão proferido em São João del-Rei, na Matriz Nossa Senhora do Pilar, no ano de 1751, pelo padre Mathias Antonio Salgado por ocasião da morte do rei D. João V – o rei Barroco. Ao analisar a dimensão espetacular o presente trabalho pretende discutir o sentido de Barroco para entendimento do modo de vida nas terras mineiras, mais especificamente são-joanense, pois o Barroco talvez tenha sido sacralizado pelos instrumentos jurídicos utilizados pelo SPHAN quando este órgão consagrou um sentido de nação a partir do tombamento dos bens arquiteturais e da materialização do espaço.

Palavras-chave


Sermão. Barroco. História e Memória Cultural.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.