DeCouvreToi

Performance-Dançada, sob a pele de uma escultura maleável

Autores

DOI:

https://doi.org/10.30612/eduf.v11iesp.2.16487

Palavras-chave:

Performance-dançada, Dança, Arte-performativa, Artes-plastiques, Processos-colaborativos

Resumo

Neste artigo eu discuto a respeito da obra DeCouvreToi apresentada no Centro de Arte 6b, em Paris, França, como parte da exposição « Em Outro Poder ». Discorro sobre o processo artístico colaborativo, realizado com a participação de três artistas: uma artista plástica, um músico e uma dançarina. Trago a reflexão a partir da experiência da obra artística e seus tecidos sensíveis. Discuto a respeito do saber dançante para a composição artística. Apresento a noção de Performance-Dançada, pensada a partir da noção de corpo com-tato da obra de arte. Para essa discussão eu trago como referencial teórico Arthur Danto, Merleua-Ponty, Larrosa Bondia, Heidegger, Lygia Clark.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcia Almeida, l'Université de Franche-Comté

Professeur invité par la FMSH - EHESS et à l'Université de Franche-Comté.

Referências

ALMEIDA MONTEIRO, Alice. Florilège culturel. 2021. Rapport (Master 2 en Arts Plastiques) - l'Université Panthéon Sorbonne, Paris, 2021.

ALMEIDA, Marcia, Experiência estética do dançarino no ato da dança, conhecimento sensível, expressão poética: Corpo com-tato da obra artística. In: Arte e estética na Educação: corpo sensível e político. Curitiba: Appris, 2020.

ARISTOTE, Poétique. 48 b 9-12.Trad. Dupont-Roc et Lallot. Ed. du Seuil, 1980.

BOURDIEU, Pierre. Habitus, code et codification. Actes de la recherche en sciences sociales, v. 64, p. 40-44, set. 1986. Disponível em: http://www.persee.fr/doc/arss_0335-5322_1986_num_64_1_2335. Acesso em: 10 ago. 2020.

DANTO, Arthur. Le monde de l’art. Philosophie analytique et esthétique. In: L’Assujettissement philosophique de l’art. Paris, Klincksieck, 1988. p. 183-198.

DANTO, Arthur. Après la fin de l'art. Poétique. Seuil, 1996.

DANTO, Arthur. L'Art contemporain et la clôture de l'histoire. Poétique. Seuil, 2000.

FRANZ ANTON, Cramer. La danse, la métamorphose du corps. Dans Rue Descartes, v. 2, n. 64, p 96-103, 2009.

HEIDEGGER, Martin. A origem da Obra de Arte. São Paulo: Edições 70, 2010.

KANT. La Critique de la faculté de juger. Seuil, 1981.

LAGEIRA, Jacinto. Peut-on naturaliser le corps artistique? In: FORMIS, Barbara (org.). Penser en Corps, Soma-estétique, art e philosophie. Paris:editor Harmattan, 2009.

LARROSA BONDIA, Jorge. Experiência e alteridade em educação. Revista Reflexão e Ação, Santa Cruz do Sul, v. 19, n. 2, p. 4-27, jul./dez. 2011.

MAUSS, Marcel. Les techniques du corps. Journal de Psychologie, XXXII, abr. 1936.

MEDEIROS, Maria Beatriz. Performance, Charivari e Política. Rev. Bras. Estudo da Presença, Porto Alegre, v. 4, n. 1, p. 47-59, jan./abr. 2014. Disponível em: http://www.seer.ufrgs.br/presenca. Acesso em: 03 mar. 2015.

PLATON. La République. OEuvres completes. Trad. Léon Robin. X, 596 d-e. Gallimard, Bibliothèque de la Pléiade, 1950. t. I.

Publicado

2021-11-30

Como Citar

ALMEIDA, Marcia. DeCouvreToi: Performance-Dançada, sob a pele de uma escultura maleável. Educação e Fronteiras, Dourados, v. 11, n. esp.2, p. e021030, 2021. DOI: 10.30612/eduf.v11iesp.2.16487. Disponível em: https://ojs.ufgd.edu.br/educacao/article/view/16487. Acesso em: 13 jul. 2024.