A emergência das construções verbais paratáticas em português: discutindo evidências históricas de gramaticalização a partir da coordenação

Autores

  • Angelica Rodrigues UNESP
  • Rafael Colucci UNESP

Palavras-chave:

mudança linguística, gramaticalização, coordenação.

Resumo

Em trabalhos anteriores (RODRIGUES, 2006; 2009; LONGHIN-THOMAZI; RODRIGUES, 2011; RODRIGUES; COELHO, 2012), está proposta uma relação entre as construções verbais paratáticas (CVPs) e construções coordenadas, tendo em vista que essas construções compartilham propriedades sintáticas e pragmáticas. Considerando o compartilhamento de propriedades como indício de um processo de gramaticalização, partimos de dados do português de diferentes sincronias para analisar, além de casos de construções coordenadas e CVPs, construções ambíguas, intermediárias entre coordenação e CVPs, com o objetivo de discutir evidências históricas da emergência das CVPs a partir da coordenação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Angelica Rodrigues, UNESP

Possui graduação em Letras pela Universidade Federal de Juiz deFora (1998), mestrado em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (2001), doutorado em Visiting Academic com Bolsa Doutorado Sandwich - Australian National University (2004) e doutorado em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (2006). Atualmente é Professora Assistente na Faculdade de Ciências e Letras da Unesp - Campus de Araraquara. Tem experiência na área de Letras-Língua Portuguesa, com ênfase em Linguística, atuando principalmente nos seguintes temas: sociolinguística, variação e mudança linguística, gramaticalização, gramática das construções, articulação de cláusulas e estudos descritivos de línguas de sinais (Libras).

Downloads

Publicado

22.03.2017

Como Citar

Rodrigues, A., & Colucci, R. (2017). A emergência das construções verbais paratáticas em português: discutindo evidências históricas de gramaticalização a partir da coordenação. Raído - Revista Do Programa De Pós-Graduação Em Letras Da UFGD, 10(24), 132–149. Recuperado de https://ojs.ufgd.edu.br/index.php/Raido/article/view/5019

Edição

Seção

ARTIGOS - LINGUÍSTICA E LINGUÍSTICA APLICADA