Confissões de uma viúva moça, de Machado de Assis: visões contemporâneas.

Alyson Carlos Santos

Resumo


O presente resumo propõe-se expor a provocação de Machado de Assis, no que diz respeito à construção literária como reflexo social, especialmente através da configuração de perfis femininos. O que se pretende analisar é a imagem e a postura das mulheres machadianas especificamente no conto “Confissões de uma viúva moça”, de 1985, pelo viés de teorias contemporâneas, a fim de mostrar como a transição histórica da sociedade burguesa para a polarização social atual pode ser explicada através da composição feminina no conto de Machado de Assis. Para tanto, busca-se explanar o contexto histórico da época de composição das obras e assimilá-lo aos aspectos da sociedade contemporânea. Nesse sentido, o trabalho expõe o paralelo inegável da literatura e da política às épocas consideradas e o modo como esses cenários definiam o comportamento feminino, permitindo um estudo comparativo da condução do feminismo machadiano com o multiculturalismo e a (des)construção da identidade feminina.

Palavras-chave


Machado de Assis. Multiculturalismo. Identidade.

Texto completo:

PDF

Referências


ASSIS, Machado de. Contos Fluminenses. São Paulo: Globo, 1997.

BAUMAN, Zygmunt. Identidade: entrevista a Benedetto Vecchi. Trad. Carlos Alberto Medeiros. 1. ed. Rio de Janeiro : J. Zahar, 2005.

BOSI, Alfredo. Machado de Assis: o enigma do olhar. 4ªed. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2007.

BOURDIEU, Pierre. A Dominação Masculina. Trad. Maria Helena Kühner. 2. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2003.

BUTLER, Judith P. Problemas de gênero. Tradução de Renato Aguiar. Rio de Janeiro: Editora Civilização Brasileira, 2003.

CANDIDO, Antonio. Esquema Machado de Assis. In: Vários Escritos. 3ª ed. rev. e ampl. - São Paulo: Duas Cidades, 1995.

___________. Literatura e Sociedade. 9. ed. Rio de Janeiro: Editora Ouro Azul, 2006.

CEVASCO, Maria Eliza. As Dez Lições Sobre os Estudos Culturais. São Paulo: Boitempo Editorial, 2003.

GLEDSON, John. Por um novo Machado de Assis: ensaios. 1. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2006.

HALL, Stuart; WOODWARD, Kathryn. Identidade e diferença. Trad. Márcia de Mello Leite Nunes. Petrópolis: Vozes, 2007.

SCHWARZ, Roberto. Mesa-redonda sobre a obra de Machado de Assis, In: BOSI, Alfredo et al. Machado de Assis. Participação especial de Antonio Callado et al. São Paulo: Ática, 1982.

SEMPRINI, Andréa. Multiculturalismo. Tradução de Laureano Pelegrin. Bauru: Edusc, 1999.

SEVCENKO, Nicolau. "A ficção capciosa e a história traída" In: GLEDSON,

John. Machado de Assis: ficção e história. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

TOURAINE, Alain. O mundo das mulheres. Tradução de Francisco Morás.

Petrópolis, RJ: Vozes, 2007.

WILLIAMS, Raymond. The future of cultural studies. In The politics of

Modernism. Londres: Verso, 1989.






Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.