Os sujeitos sob os holofotes da mídia: uma reflexão a partir de Michel Foucault

Sílvia Mara de Melo

Resumo


Este artigo tem como objetivo refletir acerca dos acontecimentos midiáticos envolvendo sujeitos em questões polêmicas na atualidade, e para isso analisaremos três fatos ocorridos nos anos de 2012, 2014 e 2015 que se referem a duas celebridades e uma pessoa anônima, todas vítimas de crimes digitais. Propõe-se examinar enunciados de situações criminosas a partir dos pressupostos teóricos da Análise do Discurso, com ênfase nas ideias de Michel Foucault. Diante de textos jornalísticos extraídos da internet, examinamos notícias que tiveram repercussão na mídia, uma delas foi divulgada vários dias na TV e envolve diretamente o nome da atriz brasileira Carolina Dieckmann, que teve seu computador invadido por um hacker e suas fotos íntimas vazadas na rede; o ator Stênio Garcia e sua esposa tiveram suas fotos furtadas do aparelho de celular, outro fato também comentado nas redes e na TV refere-se a uma pessoa anônima igualmente vítima de um hacker.

Palavras-chave


Análise do Discurso. Crimes digitais. Mídia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.30612/raido.v11i25.4397

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.