Política pública de leitura, mediadores e a formação de leitores literários

Elizangela Tiago da Maia, Célia Regina Delácio Fernandes

Resumo


Professores e bibliotecários são fundamentais na formação do leitor literário, desde que desenvolvam atividades significativas que aproximem o estudante do livro. Neste artigo, discute-se a necessidade da implantação de uma política pública nacional que forme mediadores de leitura. Atualmente, são distribuídos acervos de obras literárias infantojuvenis, por meio das compras governamentais pelo Programa Nacional Biblioteca da Escola, destinadas aos alunos das instituições educacionais públicas, que muitas vezes, não chegam às mãos dos estudantes. O PNBE é uma política nacional de leitura vigente no Brasil que, desde 1998, objetiva oportunizar a milhões de alunos de escolas públicas municipais, estaduais, federais e do Distrito Federal o contato com acervos de títulos de diversos gêneros literários.

Palavras-chave


Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE). Mediadores. Mediação literária. Práticas de leitura.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.