Investigação científica na docência universitária: reescrita como uma atividade sustentável na licenciatura

Wagner Rodrigues Silva, Janete Silva dos Santos, Aliny Souza Mendes

Resumo


Neste artigo, discutimos algumas demandas para o desenvolvimento de políticas de ensino e de pesquisa sustentáveis para cursos brasileiros de graduação e de pós-graduação que focalizam a formação do professor de língua. Nessa discussão, descrevemos uma experiência de reescrita acadêmica numa Licenciatura em Letras, ofertada no Estado do Tocantins. Alguns pressupostos teórico-metodológicos, originários de diferentes disciplinas, foram mobilizados e ajustados para desencadear práticas acadêmicas de ensino e de pesquisa mais significativas para o fortalecimento do letramento do professor em formação inicial. O olhar crítico da academia sobre as próprias práticas é caracterizado como uma atitude sustentável para a formação inicial do professor brasileiro.

Palavras-chave


Ensino. Letramento. Pesquisa. Sustentabilidade.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.