“Ensino de física e arte” e “ensino de física e dança”: estado do conhecimento realizado em plataformas nacionais desde o ano 2000

Ronaldo Conceição Silva, Shirley Takeco Gobara

Resumo


Este artigo apresenta o estado do conhecimento realizado em plataformas online nacionais sobre o “ensino de Física e arte” e o “ensino de Física e dança”, identificando as expressões artísticas utilizadas na abordagem de conceitos de Física em sala de aula, sobretudo teatro, música e dança. Para tanto foram pesquisados a Biblioteca Digital Brasil de Teses e Dissertações (BDTD), o Simpósio Nacional de Ensino de Física (SNEF), o Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências (ENPEC), o Encontro de Pesquisa em Ensino de Física (EPEF) e os periódicos Investigações em Ensino de Ciências, Ciência & Educação, Revista Brasileira de Ensino de Física e o Caderno Brasileiro de Ensino de Física, basicamente a partir do ano 2000. Somente a utilização da dança, entretanto, não foi identificada em nenhum dos trabalhos levantados, o que denota um caráter de ineditismo às pesquisas que envolvem o “Ensino de Física e a Dança”, em nosso país.


Palavras-chave


Ensino de Física e Dança. Física e Dança. Ensino de conceitos de Física.

Texto completo:

PDF

Referências


BORGES, R. M. Atividades físicas e dança na Educação Integral de Jornada Ampliada: práticas educativas que contribuem para o desenvolvimento integral do educando. 2017. 155 f. Dissertação (Mestrrado em Educação) ‒ Universidade Federal da Fronteira Sul-UFFS, Erechin/RS. 2017.

CARMO, R. S. B. Ambiente virtual de aprendizagem em ondas e acústica para auxiliar o processo ensino e aprendizagem da física no ensino médio. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Exatas e da Terra) ‒ Universidade Federal de São Carlos-UFSCar, São Carlos, 2013.

DIAS, A. M. M. Laboratórios de aprendizagem: novas estratégias de ensino para oficinas de astronomia e física. 2012. 131 f. Dissertação (Mestrado em Ensino das Ciências) ‒ Universidade do Grande Rio-UGR, Duque de Caxias, 2012.

DINIZ, I. K. S. A dança no ensino médio: material didático apoiado pelas TIC. 2017. 358 f. Tese. (Doutorado em Desenvolvimento Humano e Tecnologias) – Universidade Estadual Paulista-UNESP. Rio Claro, 2017.

FRANCO, L. I. A. Um caminho para a dança na Educação Física escolar: dinâmicas pautadas nos pilares básicos da Educação/UNESCO. 2015. 91 f. Dissertação (Mestrado em Esporte e Exercício) ‒ Universidade Federal do Triângulo Mineiro-UFTM. Uberaba. 2015

LIMA, L. G.; CORALLO, M. V.; RICARDO, E.C. Professor, por que eu tenho que estudar Física? A Física e literatura como promotora de sentidos em processos argumentativos. XXII SIMPÓSIO NACIONAL DE ENSINO DE FÍSICA – SNEF, 2017. Disponível em: https://scholar.google.com.br/citations?user=lHH6rg4AAAAJ &hl=pt-BR. Acesso em: 10 jun. 2019.

MELCHERT, A. C. L. A descoberta da cultura velada e dos gestos vitais: um aprofundamento no eixo Inventário no Corpo do Método BPI (Bailarino Pesquisador-Intérprete). 2010. 371 f. Tese (Doutorado em Artes) ‒ Universidade Estadual de Campinas-UNICAMP, Campinas, 2010.

MESQUITA, M. O. A. L. Significações culturais e simbólicas do corpo do Balé Folclórico da Bahia: uma herança sagrada para a Educação Física. 2018. 154 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) ‒ Universidade Ferderal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.

MOREIRA, M. A. Uma análise crítica do ensino de Física. Estudos Avançados. v. 32, n. 94, p. 73-80. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext& pid=S0103-40142018000300073. Acesso em: 10 jun. 2019

OLIVEIRA, A. A. Física e ficção científica: desvelando mitos culturais em uma educação para a liberdade. 2010. 238 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências) ‒ Universidade de São Paulo-USP, São Paulo, 2010.

OLIVEIRA, L. M.; GOMES, L. Einstein e a relatividade entram em cena: diálogos sobre o teatro na escola e um ensino de Física criativo. Caderno Brasileiro de Ensino de Física, v. 33, n. 3, p. 943-961, dez. 2016.

OLIVEIRA, R. M. A cultura do fandango no litoral do Paraná e suas relações entre trabalho, cultura popular e lazer na sociedade capitalista. 2005. 190 f. Dissertacão (Mestrado em Educação Física) ‒ Universidade Federal de Santa Catarina-UFSC. Florianópolis, 2005.

PEREIRA, A. P. O pensamento heurístico em diferentes contextos socioculturais: o ensino da natureza da ciência. 2015. 273 f. Tese (Doutorado em Ensino de Física) ‒ Universidade de São Paulo. São Paulo, 2015.

PRADO, L. A. G. Matemática, física e música no Renascimento: uma abordagem histórico-epistemológica para um ensino interdisciplinar. 2010. 110 f. Dissertação (Mestrado em Educação) ‒ Universidade de São Paulo-USP, São Paulo, 2010.

PUGLIESE, R. M. Consumindo a física na escola básica: a sociedade do espetáculo e as novas propostas curriculares. 2011. 138 f. Dissertação (Mestrado em Educação de Ciências) ‒ Universidade de São Paulo-USP, São Paulo, 2011.

ROCHA L.; MAGALHÃES JUNIOR C. A. O.; NEVES, M. C. D. Ciência e arte: possibilidades de diálogo entre a razão e a emoção. Valore, v. 3 (número especial), p. 312-321, 2018.

SANTOS, N. R. O. A presença do teatro no ensino de Física. 2004. 173 f. Dissertação. (Mestrado em Ensino de Física) ‒ Universidade de São Paulo-USP, São Paulo, 2004.

SILVA, J. A. V. Banda sustentável: confecção de instrumentos musicais no ensino da acústica. 2018. 108 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) ‒ Universidade Nacional de Brasília-UnB. Brasília, 2018

SILVA, J. F. C. O ensino de Física com as mãos: Libras, bilinguismo e inclusão. 2013. 220 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Física) ‒ Universidade de São Paulo. São Paulo, 2013.

SILVA, P. C. C. O ensino-aprendizado da capoeira nas aulas de educação física escolar. 2009. Tese. 259 f. (Doutorado em Educação) ‒ Universidade Estadual de Campinas-UNICAMP. Campinas, 2009.

SOARES, A. Educação física e família: construindo aproximações por meio da dança na escola. 2009. Dissertação (Mestrado em Educação Física) ‒ Universidade Federal de Santa Catarina-UFSC. Florianópolis, 2009.

SOUZA, P. H. Epistemologia e cultura no ensino de física: desvelando os conceitos de tempo e espaço. 2014. Tese (Doutorado em Ensino de Física) ‒ Universidade de São Paulo-USP. São Paulo, 2014.

ZANETIC, J. Física e Arte: uma ponte entre duas culturas. Pro-Posições, v. 17, n. 1 (49), p. 39-57, jan./abr. 2006.

ZANETIC, J. Física e Cultura: Ciência e Cultura. Campinas. v. 57, p. 21-24, 2004.




DOI: https://doi.org/10.30612/hre.v9i16.13127

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.