A história da educação física escolar no Brasil: leis e decretos norteadores

Maicon Luiz Mommad

Resumo


A Educação Física Escolar no Brasil é fruto de uma construção de políticas públicas educacionais, as quais veem sendo materializadas por Leis, Decretos e instrumentos legislativos que definem seus objetivos, metas, funções e responsabilidades de todos os entes envolvidos. O presente artigo se desenvolveu por pesquisas bibliográficas e documentais, focadas em documentos oficiais, como, leis, decretos, portarias e outros documentos publicados pelo Governo Federal Brasileiro, com recorte histórico de 1937 a 2003, os quais se justificam os períodos da 1º Constituição Federal de 1937 a Lei de Diretrizes e Bases da Educação de 1996 e suas portarias complementares. O objetivo da pesquisa é demonstrar o desenvolvimento histórico das políticas púbicas educacionais no campo de educação física escolar, focando principalmente no período em que a disciplina adquire status de componente curricular obrigatório na educação básica.


Palavras-chave


Educação Física Escolar. Legislação Educacional. História da Educação. Física.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases. Lei nº 4.024/61 de 20 de dezembro de 1961.

BRASIL. Decreto Lei nº 58.130 de 31 de março de 1966. Diário Oficial da União - Seção 1 - 5/4/1966, Página 3596.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases. Lei nº 5.691/71 de 1 de agosto de 1971.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Educação Física. Brasília: MEC/SEF, 1997. 96p.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases. Lei nº 9.394/96 de 20 de dezembro de 1996.

BRASIL. Decreto Lei nº 10.328 de 12 de dezembro de 2001. Diário Oficial da União - Seção 1 - 13/12/2001, Página 1.

BRASIL. Decreto Lei nº 10.793 de 01 de dezembro de 2001. Diário Oficial da União - Seção 1 - 2/12/2003, Página 10

CASTELLANI FILHO, Lino. Educação Física no Brasil: a história que não se conta. 4ª ed. Campinas: Papirus, 1994.

CASTELLANI FILHO, Lino. Política educacional e educação física: polemicas do nosso tempo. Campinas: Autores Associados, 1998, 93p.

CASTELLANI FILHO, Lino. Educação física no Brasil: A história que não se conta. 10. ed. Campinas, SP: Papirus, 2004. 225 p.

IANNI, O. Industrialização e desenvolvimento social no Brasil. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1963. (Retratos do Brasil, v. 19).

MARTINS, T. A; SILVA, G. M. As LDB’s no Brasil: implicações na prática de ensino da Educação Física na Educação Básica. EFDesportes.com, Revista Digital. Buenos Aires, Ano 17, nº172, Setembro de 2012. http://www.efdeportes.com/efd172/as-ldbs-no-brasil-educacao-fisica.htm em 14/03/2019.

RODRIGUEZ, Margarita Victoria. A pesquisa documental e o estudo histórico de políticas educacionais. In: O Guardador de Inutensílios. Cadernos de Cultura. n.7, p.17-30, maio 2004.

SAVIANI, Dermeval. Análise crítica da organização escolar brasileira através das leis 5.540/68 e 5.692/71. In: GARCIA, Walter E. Educação brasileira contemporânea: organização e funcionamento. São Paulo: McGraw- Hill, 1976.

THOMPSON, E. P. A miséria da teoria ou um planetário de erros: uma crítica ao pensamento de Althusser. Rio de Janeiro: Zahar, 1981.




DOI: https://doi.org/10.30612/hre.v9i16.13118

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.