CHAMADA DOSSIÊ “FRONTEIRAS, INTEGRAÇÃO REGIONAL E PARADIPLOMACIA

CHAMADA PARA O ENVIO DE TRABALHOS

DOSSIÊ

“FRONTEIRAS, INTEGRAÇÃO REGIONAL E PARADIPLOMACIA”

O Estado-nação já não tem mais o mesmo papel exclusivo e tradicional que costumava ter nas relações internacionais, ambiente que gradualmente vem sendo ocupado por atores econômicos não estatais, movimentos sociais e sobretudo por entidades subnacionais. Essa relação dinâmica deu início a uma nova demanda, a novas oportunidades e novos desafios que apontam para uma ampliação do foco de inserção internacional desses novos atores, agindo em diferentes áreas e em diferentes foros de discussões, com interesses específicos e articulados, gerando uma nova geografia do poder. Fenômenos transfronteiriços, somado a uma visão mais reificada do Estado, tomam conta de agendas dos processos de integração regional conhecidos e, ao mesmo tempo, indicam uma importante área de pesquisas e comprovações empíricas das relações internacionais: a interação nas regiões de fronteira.

As relações fronteiriças tendem a construir sua própria dinâmica, onde as cidades, Estados federados, províncias e departamentos, muitas vezes deslocados da atenção central dos Estados Partes, constroem laços de proximidade, tentando promover um maior nível de interdependência com outros espaços sociais e políticos, apresentando tendências descentralizadoras, com maiores níveis de capacidade para a complementaridade e, até, competitividade nos mercados internacionais.

Nesse contexto, o Dossiê FRONTEIRAS, PARADIPLOMACIA E INTEGRAÇÃO REGIONAL visa apresentar, criticar e receber a partir de olhares e experiências empíricas, o debate das relações internacionais, dos processos de integração regional e da paradiplomacia nas regiões de fronteira. O dossiê reunirá artigos inéditos que contribuam de maneira original para o debate e para um campo de estudo em crescimento levando em consideração, sobretudo, o campo interdisciplinar que compõe este debate.

Os textos serão recebidos até o dia 14 de agosto de 2017 pelo sistema eletrônico da Monções.

A publicação do dossiê deverá acontecer até dezembro de 2017.

A equipe editorial solicita que os autores e autoras, ao submeterem seus textos, não deixem de cadastrar no sistema o título em inglês e o respectivo abstract do artigo.

A organização do dossiê é parte da Cátedra Jean Monnet – UFGD, coordenada pelos professores de Relações Internacionais da UFGD Tomaz Espósito Neto e Henrique Sartori de Almeida Prado.