A interiorização da EAD nas instituições públicas de educação no estado de Mato Grosso do Sul: avanços e perspectivas

Alex Torres Domingues

Resumo


O objetivo deste trabalho é analisar o processo de interiorização da educação à distância nas instituições públicas encontradas no estado de Mato Grosso do Sul, seja nas etapas da educação básica ou superior, seja na modalidade profissional. Os procedimentos metodológicos utilizados são: a pesquisa bibliográfica; pesquisa documental e análise qualiquantitativa. A interiorização da educação à distância no setor público de ensino vem reforçando a necessidade do processo de institucionalização dessa modalidade, pois os polos na qual atuam as instituições públicas são em municípios do interior do estado mas instituições vem sofrendo cortes de verbas para sua manutenção.


Palavras-chave


Educação à distância. Interiorização da EaD. Instituições públicas. Institucionalização.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Lucinéia. Educação à distância: conceitos e história no Brasil e no mundo. Revista Brasileira de Aprendizagem Aberta e a Distância. Volume 10, 2011. Disponível em: http://www.abed.org.br/revistacientifica/Revista_PDF_Doc/2011/Artigo_07.pdf. Acesso em: 15 ago. 2019.

AMORIM, Maria Fasura de. A importância do ensino à distância na educação profissional. Revista Aprendizagem em EAD. Volume 1, n. 1, 2008 Disponível em: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/raead/article/view/3218. Acesso em: 15 ago. 2019.

ATLAS BRASIL. Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil. Disponível em: http://www.atlasbrasil.org.br/2013/. Acesso em 12 set. 2019.

BRASIL. Decreto 2.494, 10 de fevereiro de 1998. Regulamenta o art. 80 da Lei n° 9.394, de 20 de dezembro de 1996, e dá outras providências. Disponível em . Acesso em 18/08/2019.

BRASIL. Decreto 2.561, 27 de abril de 1998. Altera a redação dos arts. 11 e 12 do Decreto n.º 2.494, de 10 de fevereiro de 1998, que regulamenta o disposto no art. 80 da Lei n.º 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Disponível em . Acesso em 18/08/2019.

BRASIL. Decreto 5.622, 19 de dezembro de 2005. Regulamenta o art. 80 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em . Acesso em 18/08/2019.

BRASIL. Decreto 5.800, 08 de junho de 2006. Dispõe sobre o Sistema Universidade Aberta do Brasil - UAB. Disponível em . Acesso em 18/08/2019.

BRASIL. Decreto 9.057, 25 de maio de 2017. Regulamenta o art. 80 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em . Acesso em 18/08/2019.

BRASIL. Lei n. 6.674, de 5 de julho de 1979. Autoriza o Poder Executivo a instituir a Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, em obediência ao disposto no art. 39 da Lei Complementar nº 31, de 11 de outubro de 1977. Disponível em . Acesso em 14/08/2019.

BRASIL. Lei n. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Disponível em . Acesso em 18/08/2019.

BRASIL. Lei n. 11.153, de 29 de julho de 2005. Dispõe sobre a instituição da Fundação Universidade Federal da Grande Dourados – UFGD, por desmembramento da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - UFMS, e dá outras providências. Disponível em . Acesso em 14/08/2019.

BRASIL. Lei 11.892, 29 de dezembro de 2008. Institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, e dá outras providências. Disponível em . Acesso em 15/08/2019.

BRASIL. Ministério da Educação. Portaria n. 4.361, de 29 de dezembro de 2004. DOU de 30 de dezembro de 2004, Seção 1, páginas 66/67.

BRASIL. Ministério da Educação. Dispõe sobre os procedimentos de regulação e avaliação da educação superior na modalidade a distância. Portaria n. 2, de 10 de janeiro de 2007.

BRASIL. Ministério da Educação. Institui o e-MEC, sistema eletrônico de fluxo de trabalho e gerenciamento de informações relativas aos processos de regulação, avaliação e supervisão da educação superior no sistema federal de educação, e o Cadastro e-MEC de Instituições e Cursos Superiores e consolida disposições sobre indicadores de qualidade, banco de avaliadores (Basis) e o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) e outras disposições. Portaria n. 40, de 29 de dezembro de 2010.

BRASIL. Ministério da Educação. Estabelece normas para o credenciamento de instituições e a oferta de cursos superiores a distância, em conformidade com o Decreto nº 9.057, de 25 de maio de 2017. Portaria n. 11, de 20 de junho de 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Dispõe sobre os procedimentos de supervisão e monitoramento de instituições de educação superior e de cursos superiores de graduação e de pós-graduação lato sensu, nas modalidades presencial e a distância, integrantes do sistema federal de ensino. Portaria n. 22, de 21 de dezembro de 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Dispõe sobre o fluxo dos processos de credenciamento e recredenciamento de instituições de educação superior e de autorização, reconhecimento e renovação de reconhecimento de cursos superiores, bem como seus aditamentos. Portaria n. 23, de 21 de dezembro de 2017.

MATO GROSSO DO SUL. Lei Estadual n. 1.461, de 20 de dezembro de 1993. Autoriza o Poder Executivo a instituir a Fundação Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul. Disponível em . Acesso em 14/08/2019.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Estabelece diretrizes e normas para a oferta dos cursos de pós-graduação lato sensu denominados cursos de especialização, no âmbito do Sistema Federal de Educação Superior, conforme prevê o Art. 39, § 3º, da Lei nº 9.394/1996, e dá outras providências. Resolução n. 1, de 6 de abril de 2018.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Altera o inciso I do artigo 2º da Resolução CNE/CES nº 1, de 6 de abril de 2018, que estabelece diretrizes e normas para a oferta dos cursos de pós-graduação lato sensu denominados cursos de especialização, no âmbito do Sistema Federal de Educação Superior, conforme prevê o Art. 39, § 3º, da Lei nº 9394/1996, e dá outras providências. Resolução n. 4, de 11 de dezembro de 2018.

KENSKI, Vani Moreira. O desafio da educação a distância no Brasil. Revista Educação em Foco, Universidade Federal de Juiz de Fora, 2010. Disponível em: https://www.ufjf.br/revistaedufoco/files/2010/02/011.pdf. Acesso em 10 de agosto de 2019.

PETRI, O. Autonomia do Aprendiz na Educação a Distância: significados e dimensões. In: PETRI, O. Educação a Distância: construindo significados. Cuiabá, 2000.

SANTOS, M. A natureza do espaço: técnica e tempo, razão e emoção. São Paulo: Ed. Hucitec, 1996.




DOI: https://doi.org/10.30612/hre.v7i14.10855

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.