Lições metodológicas para o estudo das Relações Bilaterais do Brasil

Thiago Gehre Galvão

Resumo


Na medida em que o Brasil amplia seu envolvimento com as grandes questões internacionais no novo milênio, cresce o interesse no exterior por conhecimento de qualidade sobre diferentes aspectos da realidade brasileira. As principais publicações especializadas têm respondido a esta demanda reafirmando estereótipos e percepções tradicionais, e criando e inventando novas imagens sobre o Brasil neste século 21. Por isso, faz-se necessário entender como os estudos sobre a política exterior do Brasil podem ser elaborados de uma maneira fidedigna e científica, refletindo esse momento de efervescência por que passa o país em suas Relações Internacionais. Portanto, o objetivo deste artigo é o de fazer um balanço analítico sobre diversas experiências, brasileiras, latino-americanas e internacionais, sobre os estudos em Relações Bilaterais, procurando retirar lições teóricas, metodológicas e conceituais que possam ser utilizadas em análises sobre a política exterior do Brasil.

Palavras-chave


História das Relações Internacionais do Brasil. Relações Bilaterais. Política Externa Brasileira.

Texto completo:

PDF


Monções: Revista de Relações Internacionais da UFGD - ISSN 2316-8323 - Dourados - MS, Brasil.

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.