A política de Direitos Humanos do Brasil e da África do Sul: o vínculo entre os fatores domésticos e a política externa

Danielle Costa da Silva

Resumo


O presente artigo analisa a respeito da conduta do Brasil e da África do Sul na questão dos direitos humanos dentro do sistema internacional, considerando também a influência dos fatores domésticos. O objetivo é comparar a atuação dos dois países na agenda dos direitos humanos, demonstrando as semelhanças e as diferenças na tentativa de ambos em implementar programas e planos nacionais específicos desse tema. Procura-se analisar como ambos, países em desenvolvimento, que passaram por momentos políticos atribulados de violação dos direitos humanos conseguiram ou não se tornarem países comprometidos nacional e internacionalmente com os mesmos, mesmo ainda possuindo dificuldades sociais e econômicas. Complementando a análise, também são explanadas as maneiras como atores não estatais agem e influenciam as políticas de direitos humanos do Brasil e da África do Sul.

Palavras-chave


Direitos humanos. conjuntura doméstica. política externa.

Texto completo:

PDF


Monções: Revista de Relações Internacionais da UFGD - ISSN 2316-8323 - Dourados - MS, Brasil.

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.