Docência: a vivência de bacharéis enfermeiros

Márcia Maria Ribera Lopes Spessoto, Michelle Laura Magalhães da Silva, Giselle Cristina Martins Real, Lourdes Missio

Resumo


O objetivo foi conhecer a vivência dos egressos do curso de graduação em Enfermagem da Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul na prática da docência. Pesquisa qualitativa realizada com dez egressos docentes no referido curso. Observou-se a progressiva inserção dos egressos na área de ensino. Entre as facilidades encontradas na prática da docência, destaca-se a experiência profissional na área e os conhecimentos advindos da disciplina de didática aplicada à Enfermagem ofertada durante a graduação. As dificuldades concentravam-se na ausência de disciplinas pedagógicas. Entre as estratégias de enfrentamento na composição do enfermeiro bacharel docente, salienta-se a atualização e o aperfeiçoamento profissional, o compromisso com o ensino, o aluno, a instituição e a profissão. Infere-se a necessidade de maiores discussões a respeito, problematizando a questão e trazendo maior visibilidade dentro das políticas de educação.

Palavras-chave


Enfermagem. Formação de professores. Docência. Egressos.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.