Ultrassonografia testicular em touros jovens e correlação com puberdade e produção espermática

Geissy Helen de Sousa, Ana Luiza da Silva Ribeiro, Vivian Cristian de Freitas Lima, Antônio Humberto Hamad Minervino, Alanna do Socorro Lima da Silva, Kedson Alessandri Lobo Neves

Resumo


O presente trabalho tem por objetivo avaliar a ecogenicidade do parênquima testicular de touros jovens correlacionando com puberdade precoce. O estudo foi desenvolvido com 39 tourinhos puros de origem (PO) da raça Nelore, com idade entre 12 a 18 meses. A coleta foi realizada mensalmente, onde foi registrado peso, medida da circunferência escrotal e ultrassonografia testicular. A coleta do sêmen foi realizada apenas em animais nas faixas etárias de 14, 16 e 18 meses. Os dados coletados foram organizados em planilha do programa Microsoft Office Excel 2010, para posterior analise utilizando-se o programa estatístico Minitab. Os animais foram separados em dois grupos, os que produziram sêmen e os que não produziram e então classificados em precoces, super-precoces e normais, as médias geradas pela anova foram comparadas pelo teste de Tukey.  As variáveis foram correlacionadas pelo método de Pearson. A ecogenicidade do parênquima testicular não influenciou na produção espermática e na precocidade. Os animais precoces apresentaram peso e CE superior aos super-precoces e normais. Peso e idade apresentaram alta correlação, não houve correlação entre peso e média da escala de cinza e, circunferência escrotal e média da escala de cinza. Touros com 18 meses apresentaram percentual de defeitos total inferior a 30%. realização da ultrassonografia testicular não é adequada como indicador de precocidade sexual e produção espermática. A aferição do peso corporal e circunferência escrotal são ferramentas mais eficazes para predizer o potencial reprodutivo de touros Nelore (PO) jovens, sendo estas também, ferramentas de seleção economicamente mais eficientes.

Palavras-chave


Ecogenicidade testicular. Melhoramento genético. Reprodução. Touros Nelore.

Texto completo:

PDF

Referências


ASSUMPÇÃO, T.I.; SOUZA, M.A.; ALBERTO, C.; PALLAORO, R.; KITAGAWA, C.; SILVA, N.A.M. Características reprodutivas de machos bovinos da raça Nelore da fase pré-púbere à maturidade sexual. Revista Brasileira de Ciência Veterinária, v. 20, n. 3, p. 148-154, 2013.

BRITO, L.F.C.; SILVA, A.E.D.F.; UNANIAN, M.M.; DODE, M.A.N.; BARBOSA, R.T.; KASTELIC, J.P. Sexual development in early- and late-maturing Bos indicus and Bos indicus x Bos taurus crossbred bulls in Brazil. Theriogenology, n. 62, p. 1198–1217, 2004.

CARDILLI, D.J.; TONILLO, G.H.; PASTORE, A.A.; CANOLA, J.C.; OLIVEIRA, J.A.; MERCADANTE, M.E.Z. Precocidade sexual em bovinos Nelore avaliada por ultrassonografia testicular. Arquivos Brasileiros de Medicina Veterinária e Zootecnia., v.66, n.4, p.1296-1298, 2014.

CARDILLI. D.; MERCADANTE, M.Z.; CANOLA, J.C. Ultrassonografia testicular em bovinos jovens da raça Nelore criados em sistema extensivo. Arquivos Brasileiros de Medicina Veterinária e Zootecnia., v.64, n.1, p.7582, 2012.

COSTA E SILVA, E.V.; FERREIRA, B.X.; QUEIROZ, V.L.D. COSTA FILHO, L.C.C.; ZÚCCARI, C.E.S.N. Precocidade sexual de touros a campo em condições tropicais. Revista Brasileira de Reprodução Animal., Belo Horizonte, v.37, n.2, p.97-104, 2013. Disponível em: www.cbra.org.br. Acesso em: 27/11/ 2019.

HENRY, M; NEVES, J.P.; JOBIM, M.I.M. Manual para exame andrológico e avaliação de sêmen animal. 3.ed. Belo Horizonte, CBRA, 2013. 104 p.

ELLER, J.P.; SANTANA JUNIOR, M.L.; FERRAZ, J.B.S. Seleção para precocidade sexual e produtividade da fêmea em bovinos de corte. Estudos, Goiânia, n. 2, p. 227-235, 2012.

FERRAZ JUNIOR, M.V.C.; PIRES, A.V.; SANTOS, M.H.; SILVA, R.G.; OLIVEIRA, G. B.; POLIZEL, D.M.; BIEHL, M.V.; SARTORI, R.; NOGUEIRA, G.P.A. Combination of nutrition and genetics is able to reduce age at puberty in Nelore heifers to below 18 months. The Animal Consortium, p. 1–6, 2017.

FONSECA, V.O.; CRUDELI, G.A.; COSTA E SILVA, E.V. Aptidão reprodutiva de touros da raça Nelore. Efeito das diferentes estações do ano sobre as características seminais circunferência escrotal e fertilidade. Arquivos Brasileiros de Medicina Veterinária e Zootecnia, v.44, p.7-15, 1992.

FRENEAU, G.E. Aspectos da morfologia espermática em touros. Revista Brasileira de Reprodução Animal., Belo Horizonte, v.35, n.2, p.160-170, 2011.

HILLS, F.J.; LITTLE, T.M. Agricultural experimentation: design and analysis. Wiley, New York, ed. 7ª p. 350, 1978.

KRIECK, F.M.T. Eficiência alimentar e qualidade seminal de touros jovens da raça nelore. Dissertação (Dissertação Mestre em Genética e Melhoramento Animal) – UNESP. Jaboticabal, p. 36, 2019.

LIMA, F.P.C.; XAVIER, P.R.; BERGMANN, J.A.G.; MARQUES JÚNIOR, A.P. Perímetro escrotal e características seminais de touros da raça Nelore selecionados para precocidade sexual. Arquivos Brasileiros de Medicina Veterinária e Zootecnia., v.65, n.6, p.1603-1608, 2013.

MANEGASSI, S.R.O.; PEREIRA, G.R.; McMANUS, C.; ROSSO, V.M.; BREMM, C.; KOETZ JUNIOR, C.; LOPES, J.F.; BARCELLOS, J.O.J. Evaluation and prediction of scrotal circumference in beef bulls. Theriogenology, n. 140, p 25-32, 2019.

MARTORANO, L.G.; VITORINO, M.I.; SILVA, B.P.P.C.; MOARES, J.R.S.C.; LISBOA, L.S.; SOTTA, E.D, REICHARDT, K. Climate conditions in the eastern amazon: Rainfall variability in Belem and indicative of soil water deficit. African Journal of Agricultural Research, v. 12, p. 1801-1810, 2017.

MELLO, R.C. Puberdade e maturidade sexual em touros bovinos. Revista Agropecuária Científica no Semi-árido, v.10, p.11-28, 2013.

OLIVEIRA, L.Z.; OLIVEIRA, C.S.; MONTEIRO, F.M.; LIMA, V.F.M.H.; LIMA, F.M.; COSTA, M.Z. Efeito da idade sobre as principais características andrológicas de touros Brangus-Ibagé criados extensivamente no estado do Mato Grosso do Sul – Brasil. Acta Scientiae Veterinariae. v. 39, n.1, p. 946, 2011.

PASTORE, A.A.; TONIOLLO, G.H.; CARDILLI, D.J.; CANOLA, J.C.; MERCADANTE, M.E.Z. Contribuição da ultrassonografia na avaliação andrológica de bovinos Nelore. Revista Brasileira de Reprodução Animal., Belo Horizonte, v.39, n.1, p.32-40, 2015.

SIQUEIRA, J.B.; GUIMARÃES, J.D.; PINHO, R.O. Relação entre perímetro escrotal e características produtivas e reprodutivas em bovinos de corte: uma revisão. Revista Brasileira de Reprodução Animal., Belo Horizonte, v.37, n.1, p.3-13, 2013.

VAL, J.E.; FERRAUDO, A.S.; BEZERRA, L.A. F.; CORRADO, M.P.; LÔBO, R.B.; FREITAS, M.A.R.; PANETO, J.C.C. Alternativas para seleção de touros da raça Nelore considerando características múltiplas de importância econômica. Arquivos Brasileiros de Medicina Veterinária e Zootecnia., v.60, n.3, p.705-712, 2008.

VALE FILHO, V.R. padrões de sêmen bovino, para o Brasil. Analise e sugestão. In: Congresso Brasileiro de Reprodução Animal. Belo Horizonte: Colégio Brasileiro de Reprodução Animal., p.94-118. 1989.

VILLADIEGO, F.A.C. Desenvolvimento testicular, ponderal e uso de modelos não-lineares para descrever a curva de crescimento do perímetro escrotal em bovinos. Tese (Tese Doctor Scientiae em Medicina Veterinária) – UFV. Viçosa, MG, p.121, 2017.




DOI: https://doi.org/10.30612/agrarian.v13i49.10958

URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/br/

Revista Agrarian 
e-ISSN 1984-2538

Licença Creative Commons

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.