INDICADORES ANTROPOMÉTRICOS E AVALIAÇÃO DA PRESSÃO ARTERIAL DA VERIFICAÇÃO DE RISCO DE DOENÇAS RENAIS DA POPULAÇÃO GERAL

Márcio Eduardo Barros, Adolfo Henrique Costa dos Santos, Ludimila Onório Ferreira de Araújo, Enaile Salviano de Carvalho, Bruna Luiza Guerrer, Jaqueline Lima de Menezes, Jéssika Biatrissy Gutierrez de Moraes Moreira, Sônia Regina Maciel Rodrigues da Silva, Alline Cristhine Nunes Cerchiari Menon

Resumo


O número de indivíduos com doenças renais em todo o mundo está crescendo em grande escala. Estas, quando não tratadas, podem levar à disfunção renal. Sabe-se que, na maioria dos casos, estas doenças aparecem associadas ao diabetes mellitus e a doenças cardiovasculares, como a hipertensão arterial sistêmica. O objetivo deste estudo foi verificar o risco de doenças renais na população geral no município de Dourados/MS, através de ação preventiva de doenças renais pela Liga Acadêmica de Nefrologia de Dourados (LANED). Foram coletados dados por meio de indicadores antropométricos, aferição da pressão arterial e análise bioquímica urinária. Identificou-se um número de 117 pessoas (89 adultos e 28 idosos) e destas, 8 (6,84%) tiveram alterações na bioquímica urinária e foram encaminhados para o médico especialista. Além disso, pode ser observado que a maioria dos participantes possui obesidade ou sobrepeso, como também grande parte, principalmente das mulheres, correrem risco muito alto de complicações cardiovasculares. Doenças renais possuíram prevalência menor que a taxa nacional. Através dos dados analisados, conclui-se que 6,84% da população apresentam risco de DRC no evento realizado em Dourados.

Palavras-chave


Insuficiência Renal Crônica. Antropometria. Pressão Arterial.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.30612/re-ufgd.v2i3.5543

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.