Revelando espaços sociais: comparação e modos de relacionamento nas terras baixas do Peru

Christopher Hewlett

Resumo


Neste trabalho, examino diferentes tipos de atividades coletivas, enfatizando especificamente no trabalho e seus resultados. O movimento do argumento desse texto parte de uma comparação externa feita pelo presidente da Comunidade Nativa, Manuel Sarasara, em direção à comparação entre diferentes atividades na comunidade. Minha percepção é a de que a Comunidade Nativa, tomada como instituição social, econômica e política, oferece valor comparativo substancial para pensar as maneiras em que os Amawaka se tornaram bons cidadãos Peruanos, bem como como a Comunidade Nativa pode ser entendida como parte integral da construção do Estado-Nação. Adicionalmente, meu interesse consiste em investigar o que diferencia um tipo de atividade coletiva de outra, e como o trabalho pode ser entendido como significativo para o que pode-se entender como comunidade, num sentido que desafia a distinção entre moderno e tradicional.

Palavras-chave


Amawaka. Peru. Comunidade Nativa. Comparação.

Texto completo:

PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.30612/nty.v5i6.6877

________________________________________________________________________

ISSN 2317-8590 (O código ISSN é único para todas as edições)
Todos os direitos reservados ao Programa de Pós-Graduação em Antropologia - PPGAnt/UFGD
UFGD - Universidade Federal da Grande Dourados
FCH - Faculdade de Ciências Humanas
Rodovia Dourados-Itahum, Km 12 - Caixa Postal 533 - Cidade Universitária
Dourados-MS (Brasil) - CEP 79804-970

  

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.