Desempenho e características da carcaça de novilhos alimentados com silagem de diferentes híbridos de milho

Mikael Neumann, Egon Henrique Horst, André Dochwat, Bruno Jose Venancio, Gabriela Letícia Delai Vigne, Edelmir Silvio Stadler Júnior

Resumo


Esse trabalho teve como objetivo avaliar o consumo de matéria seca, a digestibilidade aparente da dieta, o ganho de peso médio diário, assim como as características da carcaça e seus componentes não integrantes, de novilhos terminados em confinamento alimentados com silagens dos híbridos de milho P2530, P30B39 H e P30R50 H. As dietas foram formuladas com silagem de milho e concentrado comercial com razão 50:50 na base seca. O experimento utilizou 36 novilhos inteiros cruza ½ Angus, com idade média de 12 meses e peso vivo médio inicial de 372 kg. O nível de NDT apresentou diferença entre os tratamentos (P<0,05), tendo o híbrido P30R50 H gerado 66,57% contra 62,97% do híbrido P2530. Os percentuais de digestibilidade aparente da dieta variaram de 68,65% (P2530) a 72,24% (P30B39 H), havendo diferença significativa entre os híbridos (P<0,05). Não houve interação significativa entre híbrido x período para nenhuma das variáveis de desempenho, porém, o GMD do primeiro período (1,282 kg) foi estatisticamente inferior aos dois próximos, com valores médios de 1,518 e 1,535 kg, respectivamente. Apesar dos híbridos de milho P30R50 H e P30B39 H terem apresentado maiores valores de NDT e digestibilidade aparente, tais resultados foram incapazes de gerar diferença em relação ao desempenho dos animais, tampouco nas características da carcaça.

Palavras-chave


consumo, cultivares de milho, digestibilidade aparente, ganho de peso, medidas corporais

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.30612/agrarian.v11i39.6693

Revista Agrarian
ISSN da versão impressa: ISSN 1984-252X (Cancelada)
ISSN da versão online: ISSN 1984-2538

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.