Comportamento de dendróbio borboleta (Dendrobium phalaenopsis var. compactum C.T. White - Orchidaceae) sob diferentes níveis de sombreamento

André Rodrigo Rech, Yara Brito Chaim Jardim Rosa, Hermano Marques da Silva

Resumo


  Objetivou-se  identificar  as  melhores  condições  de  luminosidade  para  cultivo  de  Dendrobium phalaenopsis var. compactum. Utilizou-se o delineamento experimental inteiramente casualizado com cinco tratamentos  constituídos  pelas  intensidades  luminosas  de  12800,  8300,  6200,  5600,  4500  lux  com  12 repetições. As plantas foram adubadas duas vezes por semana com NPK 7-7-7 na concentração 1 mL L-1 de água e  irrigadas por aspersão uma vez ao dia no verão e uma vez a cada dois dias no  inverno. Ao final do experimento foram avaliados os atributos florais das plantas, sendo calculado o incremento da massa fresca, da  altura  e  do  diâmetro  dos  pseudobulbos  em  relação  aos  dados  iniciais.  Os  melhores  resultados comprimento de  sépalas  (2,33cm), de pétalas  (2,40cm), de  labelo  (2,05cm) e de diâmetro da  flor  (4,29cm) foram obtidos  sob condição de 8300  lux. As  intensidades  luminosas de 12.800 e 8300  lux propiciaram os maiores  incrementos  de massa  fresca  e  altura  dos  pseudobulbos  e  apenas  a  condição  de  12.800  lux  não propiciou decréscimo nos diâmetros dos pseudobulbos. Considerando-se as condições de estudo, recomenda-se D. phalaenopsis var. compactum seja cultivada em condição de 8300 lux. 


Palavras-chave


climatização, cultivo, plantas ornamentais, sombreamento

Texto completo:

PDF


Revista Agrarian
ISSN da versão impressa: ISSN 1984-252X (Cancelada)
ISSN da versão online: ISSN 1984-2538

 

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.