Simulação de dano de Diabrotica em feijoeiro (Phaseolus vulgaris) para estimativa de nível de ação

Melise Batista Oliveira, Vânia Maria Ramos

Resumo


A cultura do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) sofre consideráveis níveis de infestação por coleópteros da família dos Chrysomelideos. A Diabrotica speciosa, é um inseto-praga que afeta diversas culturas no Brasil, entretanto exerce preferência na sua fase adulta por folhas de feijoeiro, tornando-a praga-chave desta cultura. Deste modo, o presente trabalho teve por objetivo avaliar a influência de ataques simulados de D. speciosa no feijoeiro, buscando estabelecer o nível de ação mais preciso para tomada de decisão de controle, através de metodologia conduzida na ausência do inseto. O experimento foi conduzido em viveiro na Universidade do Oeste Paulista, Pres. Prudente, SP. Foram utilizadas 60 plantas de feijão “carioca” organizadas em 15 repetições para 4 tratamentos, sendo estes correspondentes aos níveis de 0, 25%, 50% e 75% de desfolha nas plantas. A desfolha foi aplicada semanalmente, com auxílio de vazador de ferro, até o final do ensaio. O delineamento foi inteiramente casualizado e as médias submetidas à análise de variância pelo teste de Scott-Knott ao nível de 1% de probabilidade. Verificou-se que a desfolha não prejudicou significativamente o número de folhas, a altura das plantas e o número de vagens, entretanto diminuiu o peso das vagens, prejudicando diretamente a produção de grãos.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Agrarian

ISSN da versão online: ISSN 1984-2538
ISSN da versão impressa: ISSN 1984-252X (Cancelada)

Licença Creative Commons

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.