A Escola Família Agrícola de Itaquiraí (EFAITAQ) como fomentadora de novos processos nos assentamentos do sul de Mato Grosso do Sul

Autores

  • João Batista Souza UFGD
  • Flaviana Gasparotti Nunes UFGD

Palavras-chave:

Escola-Família-Agrícola. Pedagogia da alternância. Agroecologia. Assentamentos. Itaquiraí.

Resumo

O presente trabalho teve como objetivo central analisar o papel da Escola Família Agrícola de Itaquiraí (EFAITAQ) e as contribuições da Pedagogia da Alternância como referencial metodológico desenvolvido nesta, como fomentadora de novos processos, dentre eles, a agroecologia nos assentamentos do município de Itaquiraí no estado de Mato Grosso do Sul. Neste sentido, procuramos compreender a formação socioprofissional dos alternantes e analisar as manifestações na produção agroecológica implementadas nas suas trajetórias a partir da experiência de formação na EFAITAQ. Com base na pesquisa, constatamos um processo embrionário de implementação de práticas agroecológicas nos assentamentos rurais do município de Itaquiraí que aponta novas expectativas e possibilidades para a agricultura familiar desenvolvida nesses assentamentos.

Biografia do Autor

João Batista Souza, UFGD

Mestre em Geografia pela UFGD, professor da rede estadual de ensino, atua em EaD na UNIGRANET.

Flaviana Gasparotti Nunes, UFGD

Profa. Adjunta do Curso de Geografia e do Programa de Pós-Graduação – Mestrado em Geografia da   Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD).

Downloads

Publicado

19/12/2010

Como Citar

Souza, J. B., & Nunes, F. G. (2010). A Escola Família Agrícola de Itaquiraí (EFAITAQ) como fomentadora de novos processos nos assentamentos do sul de Mato Grosso do Sul. Revista Entre-Lugar, 1(2), 145–172. Recuperado de https://ojs.ufgd.edu.br/index.php/entre-lugar/article/view/850

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)