Contribuição à caracterização das sub-regiões do Pantanal

Camila Leonardo Mioto, Antonio Conceição Paranhos Filho, Edilce do Amaral Albrez

Resumo


Este trabalho pretende mostrar a utilidade das imagens obtidas pelo sensor WFI, do satélite CBERS-2B na análise e delimitação das sub-regiões do Pantanal através de fotointerpretação. É importante notar que este sensor consegue captar todo o Pantanal em uma única visada, ou seja, em uma mesma data, portanto são eliminadas as variações sazonais presentes em outros sensores, melhorando o produto obtido. As informações foram obtidas através da análise de imagens utilizadas em uma composição falsa-cor R: Vermelho, G: Infravermelho Próximo, B: NDVI. Este índice forneceu informações numéricas que também foram analisadas. Optou-se pela delimitação das regiões do Pantanal através da imagem da época da cheia e os limites do Pantanal obtidos foram comparados com outras delimitações existentes. Como referência, os valores de NDVI das imagens WFI foram comparados com os valores de imagens MODIS. Os resultados mostram os limites de 18 diferentes sub-regiões, totalizando uma área de 140.640 km² de Pantanal, valores diferentes dos encontrados na literatura. Todas as regiões apresentaram valores médios do NDVI maiores para a época de cheia em relação à época de seca.

Palavras-chave


Geotecnologias. Pantanal. CBERS-2B. WFI. NDVI.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.