O TRABALHO COM HABILIDADES PSICOSSOCIAIS: PROMOÇÃO DE RESSOCIALIZAÇÃO PARA JOVENS EM MEDIDAS SOCIOEDUCATIVAS.

lígia maria ruel cabreira

Resumo


RESUMO

Este artigo é fruto de um trabalho realizado com adolescentes menores infratoras, na Unidade Educacional de Internação (UNEI FEMININA – Esperança) de Dourados – MS, na disciplina de Estágio Supervisionado - Pesquisa e Prática em Psicologia. O estágio desenvolveu-se no segundo semestre de 2011 e tem como objetivo dar suporte psicológico na modalidade de atendimento grupal e individual a adolescentes em regime de medidas socioeducativas, bem como desenvolver atividades que contribuam em sua reabilitação e reintegração social. O projeto ofereceu atividades de oficinas, dinâmicas e discussões vinculadas ao tema de habilidades psicossociais bem como a sexualidade, estas atividades visaram a orientação a respeito de suas atividades cotidianas e desenvolvimento de habilidades psicossociais, para tanto, fizemos uso de um projeto de nossa autoria que nos auxiliou a desenvolver atividades terapêuticas grupais e educacionais.

Palavras-chave: Menores infratores, Prática em psicologia, Reabilitação.


Palavras-chave


Menores infratores, Prática em psicologia, Reabilitação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.30612/re-ufgd.v1i1.2205

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.