A Extensão Universitária no Assentamento Areias, Nioaque/MS: diálogos transformando pessoas, saberes e processos de produção

Alzira Salete Menegat, Fabio Pereira Nunes, Cristiano Almeida Conceição, Euclides Reuter Oliveira

Resumo


Este trabalho apresenta as ações de extensão universitária, realizadas pela Universidade Federal da Grande Dourados com grupos do Assentamento Areias, localizado no município de Nioaque/MS. Tratamos das atividades desenvolvidas em conjunto com grupos de produtores e produtoras de alimentos daquele lugar, com destaque para a apicultura, produção de hortaliças com base orgânica, instalação de estufa para produção de tomates, dentre outras atividades, lá consolidando a extensão universitária. No decurso das ações um fator tem sido fundamental, aquele da organização em grupos de assentados, formando coletivos para implementação das atividades, fortalecendo as sociabilidades entre a vizinhança, bem como as solidariedades e com isso reúnem energias e forças para atuarem nas escalas de trabalhos e de companheirismos entre os participantes dos grupos. Essa metodologia faz com que estendam diálogos com instituições fora do Areias, como o exemplo na parceria com professores/as da UFGD, num esforço conjunto e viabilizando a multiplicação das ações de extensão.

 Palavras chave: Ação social, agroecologia, assentados, produção orgânica.


Palavras-chave


Ação social. Agroecologia. Assentados. Produção orgânica.

Texto completo:

PDF

Referências


AQUINO, A. M.; ASSIS, R. L. Agroecologia: princípios e técnicas para uma agricultura orgânica sustentável. Editores técnicos, Adriana Maria de Aquino, Renato Linhares de Assis – Brasília, DF: EMBRAPA (Informação Tecnológica). 2005.

BRASIL. Brasil Agroecológico. Plano Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica – PLANAPO: Relatório de balanço 2013-2015. Brasília: MDA, 2016.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. O afeto da terra: imaginários, sensibilidades e motivações de relacionamentos com a natureza e o meio ambiente entre agricultores e criadores sitiantes do bairro dos Pretos, nas encostas paulistas da Serra da Mantiqueira em Joanópolis. Campinas: UNICAMP, 1999.

FRIEDRICH, O. A. Comunicação rural: Proposição crítica de uma nova concepção. 2 ed. Brasília: EMBRATER, 1988.

GARCIA Jr., Afrânio. Terra de trabalho. Rio de Janeiro : Paz e Terra, 1983.

HEREDIA, Beatriz Alásia de. A morada da vida: trabalho familiar de pequenos produtores do Nordeste do Brasil. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979.

OLINGER,.G. Extensão Rural: Verdades e Novidades. Florianópolis: EPAGRI, 1998.

SIMON, A. A. A Extensão Rural e o Novo Paradigma. Florianópolis: EPAGRI, 1996.

WHITAKER, Dulce Consuelo A.; BEZZON, Clara Crivelaro. A Cultura e o Ecossistema: reflexões e práticas de um diálogo. Campinas, SP: Alínea Editora, 2006.




DOI: https://doi.org/10.30612/re-ufgd.v6i12.10731



RealizAção - Revista on-line de Extensão e Cultura
ISSN 2358-3401

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.