Territorialidade dos Paraguaios de/em Dourados – MS

Ailson Oliveira Barbosa

Resumo


O presente trabalho visa refletir sobre a temática território e identidade, tomando como referencial de análise os Paraguaios de/em Dourados-MS. Pensar sobre identidade, a partir do recorte territorial, pressupõe considerar o sentido de pertencimento, institucionalizado ou não. Pertencer a um ponto no território é fruto de relações sociais historicamente produzidas, carregando significados, afetos, vivências, experiências e desejos. Considerando essa perspectiva, tomamos como objeto de estudo os paraguaios que vivem na cidade de Dourados-MS, buscando avaliar, histórias de vida, suas rotinas, possíveis resistências, ou, num sentido mais amplo, o seu sentido de pertencimento. A metodologia adotada neste estudo se processou por meio de: pesquisa de campo, visando maior aproximação como a população paraguaia; entrevistas, com sujeitos que diretamente trabalham com essa população, como professores, funcionários do setor de comércio, de imigração e saúde. Por meio do levantamento realizado, dos depoimentos e enunciados, buscamos analisar o conjunto de elementos, signos e referenciais, a partir das relações que estabelecem com o lugar. 


Texto completo:

PDF


ISSN Eletrônico: 2358-9205

 

Indexação:

  

 

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.