Representações sobre o catolicismo e a umbanda na imprensa espírita (Rio Grande do Sul - década de 1950)

José Bruno Cortês Scherer

Resumo


Este artigo discute as relações entre o espiritismo e outras perspectivas religiosas no Rio Grande do Sul em meados do século XX. A partir das publicações da revista A Reencarnação, editada pela Federação Espírita do Rio Grande do Sul (FERGS), analisam-se as percepções do movimento espírita organizado sobre o catolicismo e a umbanda, entrevendo a posição e as ações do espiritismo no campo religioso. A análise evidencia o uso da imprensa como um importante instrumento de divulgação e defesa das ideias espíritas, bem como estratégias visando à delimitação de fronteiras e a definição da identidade espírita frente a outras formas de religião e religiosidade.

Palavras-chave


Revista. A Reencarnação. Doutrina kardecista.

Texto completo:

PDF

Referências


ARRIBAS, Célia da Graça. Afinal, espiritismo é religião? A doutrina espírita na formação da diversidade religiosa brasileira. São Paulo: Alameda, 2010.

BOFF, Angélica Bersch. Espiritismo, alienismo e medicina: ciência ou fé? Os saberes publicados na imprensa gaúcha da década de 1920. 2001, 264 f. Dissertação (Mestrado em História) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2001.

BOURDIEU, Pierre. Gênese e estrutura do campo religioso. In: A economia das trocas simbólicas. Vários tradutores. São Paulo: Perspectiva, 2011. p. 27-78.

CHARTIER, Roger. A História Cultural. Entre práticas e representações. Tradução: Maria Manuela Galhardo. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1990.

CHARTIER, Roger. A beira da falésia: a história entre certezas e inquietudes. Tradução: Patrícia Chittoni Ramos. Porto Alegre: EdUFRGS, 2002.

COSTA, Flamarion Laba da. Demônios e anjos: o embate entre espíritas e católicos na República Brasileira até a década de 60 do século XX. 2001, 271 f. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2001.

CUCHE, Denys. A noção de cultura nas ciências sociais. Tradução: Viviane Ribeiro. Bauru: EDUCS, 1999.

DAMAZIO, Sylvia F. Da elite ao povo: advento e expansão do espiritismo no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1994.

ELMIR, Cláudio Pereira. As armadilhas do jornal: algumas considerações metodológicas de seu uso para a pesquisa histórica. Cadernos de Estudo, Porto Alegre, n. 13, pp. 19-29, 1995.

ESPIG, Márcia Janete. O uso da fonte jornalística no trabalho historiográfico: o caso do Contestado. Estudos Ibero-Americanos, Porto Alegre, v. 24, n. 2, pp. 269-289, dez. 1998.

GIUMBELLI, Emerson. O cuidado dos mortos: uma história da condenação e legitimação do espiritismo. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 1997.

GIUMBELLI, Emerson. Religiões no Brasil dos anos 1950: processos de modernização e configurações da pluralidade. PLURA - Revista de Estudos de Religião. v. 3, n. 1. 2012. p. 79-96.

LEWGOY, Bernardo. O grande mediador: Chico Xavier e a cultura brasileira. Bauru: EDUSC, 2004.

LUCA, Tania Regina de. História dos, nos e por meio dos periódicos. In: PINSKY, Carla Bassanezi. Fontes Históricas. São Paulo: Contexto, 2005.

MAGGIE, Ivone. Medo do feitiço: relações entre magia e poder no Brasil. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 1992.

MELNITZKI, Marcelo Lima. As regras espirituais são tão exatas e positivas como as das ciências materiais: as representações sobre a ciência no Jornal Espírita. Porto Alegre, década de 1930. 2010. 160 f. Dissertação (Mestrado em História), Pontifícia Universidade

Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2012.

MIGUEL, Sinuê Neckel. Espiritismo unificado: Movimento espírita brasileiro e suas relações com o Estado (1937-1951). 2007. 110 f. Monografia (Bacharelado em História) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2007.

MIGUEL, Sinuê Neckel. Espiritismo fin de siècle: a inserção do Espiritismo no Rio Grande do Sul (1896-1898). Revista Brasileira de Histórias das Religiões. (ANPUH), ano 2, n. 4, maio 2009. 40 p. Disponível em: http://www.dhi.uem.br/gtreligiao/pdf3/texto7.pdf. Acesso em: 19 ago. 2016.

MIGUEL, Sinuê Neckel. O espiritismo frente à igreja católica em disputa por espaço na Era Vargas. Revista Esboços. UFSC. Florianópolis, v. 17, n. 24, p. 203-226, 2010. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/esbocos/article/view/2175-7976.2010v17n24p203. Acesso em: 19 ago. 2016. doi: https://doi.org/10.5007/2175-7976.2010v17n24p203

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, ano 6, n. 1, out. 1939.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, ano 16, n. 10-11, jul.-ago. 1950.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, ano 17, n. 18, fev. 1953.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, n. 21-22, maio-jun. 1953.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, n. 23-24, jul.-ago. 1953.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, ano 19, n. 3, mar. 1954.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, ano 20, n. 6-7, mar.-abr. 1955.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, n. 10-11, jul.-ago. 1955.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, ano 22, n. 12, set. 1956.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, ano 24, n. 2, nov. 1957.

A REENCARNAÇÃO, Porto Alegre, ano 23, n. 5, Porto Alegre. fev. 1957.

REB , Petrópolis, v. 13, fasc. 2, jun. 1953.

SCHERER, Bruno Cortês. A Federação Espírita do Rio Grande do Sul e a organização do movimento espírita rio-grandense (1934-1959). 176p. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2015.

SILVA, Fabio Luiz da. Espiritismo: História e Poder (1938-1949). Londrina: EDUEL, 2005.

UNITAS: boletim da Arquidiocese de Porto Alegre. Porto Alegre, 1, mar. 1954. fasc.

WEBER, Beatriz Teixeira. As Artes de Curar. Medicina, religião, magia e positivismo na República Rio-grandense. Santa Maria/Bauru: EDUFSM/EDUSC, 1999.




DOI: https://doi.org/10.30612/rehr.v11i22.7941

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.