A BATALHA PELA “PERIODIZAÇÃO” DA HISTÓRIA DO BRASIL EM ALFREDO ELLIS JR. E SÉRGIO BUARQUE DE HOLANDA: O SÉCULO XIX COMO PARADIGMA?

DIOGO DA SILVA ROIZ

Resumo


Analisaremos neste artigo uma batalha pela “periodização” da história do Brasil, cujo século XIX pareceu ser um paradigma, tanto na obra de Alfredo Ellis Jr., quanto na de Sérgio Buarque de Holanda. Assim como pareceu também estar nas indagações das obras da maioria dos letrados que escreveram entre os anos 1920 e 1930, pois, procuravam mostrar que foi no Oitocentos que verdadeiramente se formou as raízes do Estado e da Nação no país. E esse fator igualmente teve reflexos nos anos 1930, em função da maneira com que o governo de Getúlio Vargas procurou justificar suas ações, ao promover a estruturação de um tipo de Estado e de Nação para o Brasil. Tal como veremos, muitos destes “homens de letras”, como SBH e AEJ, foram contrários a tais iniciativas.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.