IDENTIFICAÇÃO E ANÁLISE DA COMUNICAÇÃO DO RISCO DE DESASTRES NATURAIS EM MUNICÍPIOS DO ESTADO DE SÃO PAULO (BRASIL)

Érico Soriano, Silvia Midori Saito, Luciana de Resende Londe, Leandro Torres DiGregório, Marcos Pellegrini Coutinho

Resumo


A comunicação relacionada a risco de desastres é uma atividade recente e ainda em desenvolvimento no Brasil. Neste trabalho a comunicação ofcial de alertas de desastres naturais no estado de São Paulo foi analisada através de uma abordagem qualitativa. Foram aplicados questionários aos Coordenadores Municipais de Defesa Civil de municípios paulistas monitorados quanto ao risco de desastres, em duas fases: a primeira em 2012, no início das operações federais de monitoramento e alerta e a segunda em 2015, após um relativo amadurecimento destas operações. A falta de padronização dos alertas emitidos por diferentes centros (federal, estaduais e, em alguns casos, municipais), assim como a falta de tempo hábil para ações de resposta, foram apontados como difculdades enfrentadas pelos entrevistados. Como conclusão, é urgente a uniformização de terminologias e maior integração entre os órgãos de monitoramento e emissão de alertas e os órgãos de prevenção e resposta a desastres.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.