SABERES E CONHECIMENTOS DOCENTES: olhares sobre o Conhecimento Pedagógico do Conteúdo do professor de Geografia

Valéria Rodrigues Pereira, Claudivan Sanches Lopes

Resumo


O presente artigo refere-se ao projeto de pesquisa “Os saberes dos professores de Geografia” desenvolvido na Universidade Federal de Mato Grosso Sul, Campus de Três Lagoas, com finalidade de conhecer o repertório de saberes mobilizados por professores de geografia. A investigação foi realizada com profissionais de ensino, egressos do curso de Geografia desta universidade e em exercício em escolas públicas. Sob a perspectiva geográfica, abordamos as pesquisas relacionadas ao saber docente e destacamos, por meio de Shulman (2014), a Base de Conhecimentos e o Conhecimento Pedagógico do Conteúdo-CPC, entendido como a maneira especial em que os professores dentro de seus campos de conhecimentos transformaram o conteúdo para ensinar. Os resultados alcançados confirmaram a existência de fontes de conhecimentos que sustentam a atuação dos professores, possibilitando compreensão dos conteúdos, orientação nas escolhas didáticas, encaminhamento de discussões, desenvolvimento da aula e de atividades com alunos, entre outras questões pertinentes ao ensino. 

Palavras-chave: saber docente; conhecimento pedagógico do conteúdo; base de conhecimentos

 


Palavras-chave


saber docente; conhecimento pedagógico do conteúdo; base de conhecimentos

Texto completo:

PDF_1528-0010

Referências


AZZI, Sandra. Trabalho docente: autonomia didática e construção do saber pedagógico. In: PIMENTA, Selma G. (Org.). Saberes pedagógicos e atividade docente. São Paulo: Cortez, 1999.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo: edição revista e ampliada. São Paulo: Edições 70, 2016.

BOGDAN, R., BIKLEN, S. Investigação Qualitativa em Educação – uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Porto Editora, 1994.

BORGES, C. Saberes docentes: diferentes tipologias e classificações de um campo de

pesquisa. Educação & Sociedade, Campinas, v. 22, n. 74, abr. 2001.

CAVALCANTI, Lana de Souza. Formação inicial e continuada em Geografia: Trabalho Pedagógico, metodologias e (re)construção do conhecimento. Formação de professores: reflexos do atual cenário sobre o ensino de Geografia. Goiânia: NEPEG, 2008. p. 85-102.

DIVISÃO DE CONTROLE ESCOLAR. Pró- Reitoria de Graduação. Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Estrutura do Curso Vigente de 1996/1 a 1998/2- Relação de disciplinas e componentes curriculares não disciplinares. Geografia, Licenciatura Plena e Bacharelado, Campus de Três Lagoas. Campo Grande. a

____. Estrutura do Curso Vigente de 2000/1 a 2000/2 - Relação de disciplinas e componentes curriculares não disciplinares. Geografia, Licenciatura Plena e Bacharelado, Campus de Três Lagoas. Campo Grande. b

_____. Estrutura do Curso Vigente de 2004/1 a 2009/2 - Relação de disciplinas e componentes curriculares não disciplinares. Geografia, Licenciatura, Campus de Três Lagoas. Campo Grande. c

_____. Estrutura do Curso Vigente de 2010/1 a 2014/2 - Relação de disciplinas e componentes curriculares não disciplinares. Geografia, Licenciatura, Campus de Três Lagoas. Campo Grande. D

_____. Estrutura do Curso Vigente de 2015/1 a 2017/2- Relação de disciplinas e componentes curriculares não disciplinares. Geografia, Licenciatura, Campus de Três Lagoas. Campo Grande. e

GARCÍA, Carlos Marcelo. Formação de professores para uma mudança educativa. Porto: Porto Editora,1999.

GAUTHIER, C. et al. Por uma teoria da Pedagogia. Pesquisas contemporâneas sobre o saber docente. Ijuí: Editora Unijuí, 2013.

GESS-NEWSOME, J. Pedagogical Content knowledge: an introduction and orientation. In: GESS-NEWSOME, J. & LEDERMAN, N.G. (eds.) Examining Pedagogical Content Knowledge. Dordrecht, The Netherlands: Kluwer Academic Publishers, 3-17, 1999.

GHEDIN E.; OLIVEIRA E. S.; ALMEIDA, W. A. Estágio com pesquisa. São Paulo: Cortez, 2015.

GOODSON, Ivor F. Dar Voz ao Professor: as Histórias de vida dos professores e o seu Desenvolvimento Profissional. In: NÓVOA, Antônio (org). Vidas de professores. (2 ª edição) Porto: Porto Editora, 1995.

GROSSMAN, Pamela L; WILSON, Suzzane M; SHULMAN, Lee. S. Profesores de sustância: el conocimiento de la matéria para la enseñanza. Profesorado. Revista de currículum y formación del profesorado. Granada-España, ano 9, n.2, 2005, pp.1-25. Disponível em: . Acesso em: 17 mai. 2017.

HUBERMAN, M. O ciclo de vida professional de professores. In: Nóvoa, A. (org). Vida de professores. Porto Editora. 2000.

IBGE. Censo Demográfico de 2010. Disponível em . Acesso em 21 dez. 2017

LIBÂNEO, José Carlos. Didática. São Paulo: Cortez, 1994.

MONTEIRO, A. M. F. C. Professores: entre saberes e práticas. Educação e Sociedade, ano XXII, n.74, p.121-42. abr. 2001.

MONTERO, Lourdes. A construção do conhecimento profissional docente. Lisboa: Instituto Piaget, 2001.

NÓVOA, A. Professores: Imagens do futuro presente. Lisboa: Educa, 2009.

NUNES, Célia Maria Fernandes. Saberes docentes e formação de professores: um breve panorama da pesquisa brasileira. Educação e sociedade, n.74, p.27 – 42, abril. 2001.

OLIVEIRA, A. U. (Org.). Para onde vai o ensino de Geografia? 4. ed. São Paulo: Contexto, 1994.

PIMENTA, Selma Garrido (org.). Saberes pedagógicos e atividade docente. São Paulo: Cortez, 1999.

PIMENTA, Selma Garrido, ANASTASIOU, Lea das Graças Camargos. Docência no Ensino Superior. S. ed. São Paulo: Cortez, 2002.

PINHEIRO, Antônio Carlos. O ensino de Geografia no Brasil. Goiânia: Editora Vieira, 2005. Disponível em http://nepeg.com/newnepeg/wp-content/uploads/2014/04/LIVRO-FORMA%C3%87%C3%83O-DE-PROFESSORES-CONCEP%C3%87%C3%95ES-E-PR%C3%81TICAS-2006.pdf. Acesso em: 20 dez. 2018

PONTUSCHKA, Nidia N; PAGANELLI, Tomoko I.; CACETE, Núria H. Para ensinar e aprender Geografia. São Paulo: Cortez, 2009.

SÃO PAULO (ESTADO). Currículo de Ciências Humanas-Geografia. São Paulo: SEE, 2010.

SANTOS, Milton. Técnica, espaço, tempo: globalização e meio técnico-científico-informacional. São Paulo: Hucitec, 1998.

SAVIANI, Dermeval. Os saberes implicados na formação do educador. In: BICUDO, Maria A. V.; SILVA JR, C. (Orgs). Formação do educador. São Paulo: UNESP, 1996. p. 145-155.

SHULMAN, L. S. Those who understand: knowledge growth in teaching. Educational Researcher, v. 15, n. 4, p. 4-14, 1986. Disponível em: . Acesso em: 10 abr. 2014.

_____. Conocimiento y enseñanza: fundamentos de la nueva reforma. Profesorado. Revista de currículum y formación del profesorado, Granada-España, ano 9, n. 2, 2005, p. 1-30. Disponível em http<://www.ugr.es/local/recfpro/rev92art1.pdf>. Acesso em: 03 set. 2016.

_____. Conhecimento e ensino: fundamentos para a nova reforma. Cadernos Cenpec. São Paulo, v. 4, n. 2, p. 196-229, dez. 2014. Disponível em

. Acesso em: 07 mar. 2017.

SPOSITO, Maria E. B. Capitalismo e Urbanização. São Paulo: Contexto, 1996.

TARDIF; Maurice; LESSARD, Claude; LAHAYE, Louise. Os professores face ao saber: esboço de uma problemática do saber docente. Teoria & Educação, Porto Alegre, n. 4, p. 215-233, 1991.

TARDIFF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2002.

TRIVIÑOS, A. N. S. Introdução à pesquisa em Ciências Sociais: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo: Atlas, 1987.

ZEICHNER, Kenneth. A formação reflexiva de professores: idéias e práticas. Lisboa:

EDUCA, 1993.




DOI: https://doi.org/10.5418/RA2019.1528.0010

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

 

 

 

 

 


Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.