Avaliação de doses crescentes de nitrogênio em cobertura em milho para silagem

Mikael Neumann, Egon Henrique Horst, André Martins de Souza, Bruno José Venancio, Edelmir Silvio Stadler Junior, Ricardo André Kloster Karpinski

Resumo


O trabalho foi realizado com objetivo de avaliar a produtividade, a composição morfológica e bromatológica, bem como a taxa de desaparecimento ruminal da matéria seca (MS) da silagem de milho (Zea mays) cultivado sob níveis crescentes de adubação nitrogenada em cobertura. Na semeadura do milho foi aplicado diretamente no sulco de plantio 500 kg ha-1 de adubo com a formulação 12-31-17 (NPK) para todos os tratamentos, e em estágio fenológico V5 foi realizada a adubação em cobertura diferenciada, utilizando as seguintes dosagens: T1, 135,0 kg de N ha-1 (NPK: 27-00-00); T2, 175,5 kg de N ha-1 (NPK: 27-00-00); e T3, 225,5 kg de N ha-1 (NPK: 27-00-00). O aumento da dose de adubação nitrogenada em cobertura proporcionou um menor número de folhas secas no momento da colheita. Além disso, a maior dose de nitrogênio lançada em cobertura (225,5 kg ha-1) proporcionou uma fração fibrosa de maior digestibilidade em relação aos demais tratamentos (73,29%). A dose de 175,5 kg de N ha-1 proporcionou plantas com melhor taxa de degradabilidade ruminal (0,99% hora-1) e quilos de matéria seca digestíveis por área (15081 kg MS ha-1), enquanto a menor dose utilizada (135,0 kg ha-1) gerou os melhores níveis de FDN (55,76%), FDA (25,75%) e CNF+EE (34,66%) sem afetar a produtividade e a composição morfológica da planta. Os resultados do presente trabalho implicam dizer que a cultura do milho responde de maneira diferente conforme o aumento dos níveis de nitrogênio utilizado em cobertura, onde, cada nível traz benefícios distintos em relação a qualidade bromatológica.

Palavras-chave


Bromatologia; Composição física da planta; Fertilização; NDT; Produção de biomassa seca.

Texto completo:

PDF

Referências


ASSOCIATION OF OFFICIAL ANALYTICAL CHEMISTS - A.O.A.C. 1995. Official methods of analysis. 16. ed. Washington, D.C., 1995. 2000 p.

BASI, S.; NEUMANN, M.; MARAFON, F.; UENO, R.K.; SANDINI, I.E. Influência da adubação nitrogenada sobre a qualidade da silagem de milho. Revista Brasileira de Tecnologia Aplicada nas Ciências Agrárias, v.4, n.3, p.219-234, 2011.

BOLSEN, K.K.; ASHBELL, G.; WEINBERG, Z.G. Silage fermentation and silage additives-Review. Asian-Australasian Journal of Animal Sciences, v.9, n.5, p.483-494, 1996.

COSTA, N.R.; ANDREOTTI, M.; GAMEIRO, R.A.; PARIZ, C.M.; BUZETTI, S.; LOPES, K.S.M. Adubação nitrogenada no consórcio de milho com duas espécies de braquiária em sistema plantio direto. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.47, n.9, p.1038-1047, 2012.

COSTA, N.F.E.; SANTOS, F.M.; MORO, V.G.; ALVES, F.G.; JÚNIOR, S.L.C. Herança da senescência retardada em milho. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.43, n.2, p.207-213, 2008.

FERNANDES, F.C.S.; ARF, S.B.O.; ANDRADE, J.A.C. Doses, eficiência e uso de nitrogênio por seis cultivares de milho. Revista Brasileira de Milho e Sorgo, v.4, n.2, p.195-204, 2010.

GAZOLA, D.; ZUCARELI, C.; SILVA, R.R.; FONSECA, I.C.B. Aplicação foliar de aminoácidos e adubação nitrogenada de cobertura na cultura do milho safrinha. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v.18, n.7, p.700-707, 2014.

GOERING, H.K.; VAN SOEST, P.J. Forage fiber analysis: apparatus reagents, procedures and some applications. Washington: Agricultural Handbook., 1970. 379 p.

MENDES, M.C.; GABRIEL, A.; FARIA, M.V.; ROSSI, E.S.; JÚNIOR, O.P. Época de semeadura de híbridos de milho forrageiro colhidos em diferentes estádios de maturação. Revista Agroambiente Online, v.9, n.2, p.136-142, 2015.

NEUMANN, M.; HORST, E.H.; DOCHWAT, A.; LEÃO, G.F.M.; CARNEIRO, M.K.; MELLO, R.P. Características agronômicas do milho para silagem sob níveis de adubação nitrogenada e potássica em cobertura. Scientia Agraria Paranaensis, v.6, n.1, p.69-77, 2017.

NEUMANN, M.; NÖRNBERG, J.L.; LEÃO, G.F.M.; HORST, E.H.; FIGUEIRA, D.N. Chemical fractionation of carbohydrate and protein composition of corn silages fertilized with increasing doses of nitrogen. Ciência Rural, v.47, n.5, p.01-07, 2017.

NEUMANN, M.; OST, P.R.; DE PELLEGRINI, L.G.; DEFAVERI, F.J. Comportamento de híbridos de milho (Zea mays) e sorgo (Sorghum bicolor) para silagem na região centro-sul do Paraná. Ambiência, v.4, n.2, p.237-250, 2009.

NEUMANN, M.; SANDINI, I.E.; LUSTOSA, S.B.C.; OST, P.R.; ROMANO, M.A.; FALBO, M.K.; PANSERA, E.R. Rendimentos e componentes de produção da planta de milho (Zea mays L.) para silagem, em função de níveis de adubação nitrogenada em cobertura. Revista Brasileira de Milho e Sorgo, v.4, n.3, p.418-427, 2010.

NOCEK, J.E. In situ and other methods to estimate ruminal protein and energy digestibility. A review. Journal Dairy Science, v.71, n.8, p.2051-206, 1988.

PEDRAZZI, A.D.Q.; BINOTTI, F.F.D.S.; COSTA, E.; CARDOSO, E.D. Crescimento e acúmulo de fitomassa em função do manejo de nitrogênio na cultura do milho. Revista Brasileira de Milho e Sorgo, v.15, n.3, p.410-417, 2017.

TAIZ, L.; ZEIGER, E. Fisiologia vegetal. 5. ed. Porto Alegre: Editora Artmed., 2012. 954 p.

VAN SOEST, P.J. Nutritional ecology of the ruminant. Ithaca: Cornell University Press., 1994. 476 p.




DOI: https://doi.org/10.30612/agrarian.v12i44.7195

Direitos autorais 2019 Agrarian



Revista Agrarian

ISSN da versão online: ISSN 1984-2538
ISSN da versão impressa: ISSN 1984-252X (Cancelada)

Licença Creative Commons

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.