Avaliação econômica do cultivo de corais no estado do Ceará

Ingrid Luana da Silveira Siqueira, Rosemeiry Melo Carvalho, Carlos Henrique Profírio Marques

Resumo


A produção de organismos ornamentais marinhos vem se tornando frequente no Brasil e no mundo. A atividade apresenta comercialização com variedade de espécies e tecnologia avançada no mercado de aquários. Exemplares podem ser comercializados por altos valores, tornando a atividade atrativa para investidores.  Este estudo teve por objetivo analisar a viabilidade econômica do cultivo de organismos marinhos aquáticos ornamentais no estado do Ceará, considerando apenas a produção de corais. Foram coletados dados de uma empresa, onde se observou sua produção e foram analisados os dados econômicos. A produção de corais com sistema aquático de recirculação (RAS) mostrou-se uma atividade tecnicamente viável, apresentando custo de implantação de R$99.789,43, custos total de produção de R$ 11.067,44, taxa de retorno do capital investido de 3% ao mês e tempo de retorno do capital investido de aproximadamente 6 anos.


Palavras-chave


corais, aquarismo, análise econômica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.30612/agrarian.v11i41.6843

Revista Agrarian
ISSN da versão impressa: ISSN 1984-252X (Cancelada)
ISSN da versão online: ISSN 1984-2538

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.