Germinação e desenvolvimento inicial de sementes de alface submetidas ao extrato de pimentas

PALOMA RAYANE PINHEIRO, ROGÉRIO LUCIANO SEVERIANO, CAMILA FERREIRA ABRÃO, MARCIO DIAS PEREIRA

Resumo


A família Piperaceae inclui cerca de 12 gêneros e mais de 1400 espécies  de pimentas distribuídas em todas as regiões subtropicais e tropicais. Algumas espécies do gênero Piper podem apresentar efeito fungicida, inseticida ou mesmo alopático sobre as sementes de outras espécies. Diante disso, o presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito dos extratos alcóolicos de três diferentes espécies de pimentas na germinação e desenvolvimento inicial de sementes de alface. As sementes foram umedecidas com extratos alcoólicos das três espécies de pimentas: Piper callosum, Piper médium, Piper aduncum, em diferentes concentrações: 0, 20, 30, 40, 50, 60 e 70%. As avaliações foram diárias até o sétimo dia após a semeadura, e ao final foi determinada a porcentagem de germinação (G%), primeira contagem de germinação (PCG), índice de velocidade de germinação (IVG) e comprimento de plântula (CP). Os dados foram submetidos às analise de variância e de regressão. Para a primeira contagem de germinação e o índice de velocidade de germinação, o extrato da Piper medium se destacou em relação as outras duas pimentas, para o comprimento de plântulas, a Piper callosum e a  Piper aduncum prejudicaram esta característica. Para o fator concentração houve a redução da germinação com o aumento das concentrações dos extratos. Para primeira contagem de germinação, observou-se que elevadas concentrações dos extratos alcóolicos prejudicaram o desenvolvimento inicial das plântulas. A utilização dos diferentes tipos de extratos nas diferentes concentrações sobre as sementes de alface foi prejudicial a germinação e desenvolvimento inicial das mesmas.

Palavras-chave


Alelopatia; concentrações; pimentas

Texto completo:

PDF


Revista Agrarian
ISSN da versão impressa: ISSN 1984-252X (Cancelada)
ISSN da versão online: ISSN 1984-2538

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.