Características agronômicas da batata cv. Atlantic sob diferentes lâminas de irrigação

Sofia Michele Muchalak, Fernando França da Cunha, Amanda Regina Godoy, Renato Anastacio Guazina, Sebastião Ferreira de Lima

Resumo


O objetivo do estudo foi avaliar o efeito de diferentes lâminas de irrigação nos fatores produtivos da cultura da batata cv. Atlantic. O experimento foi realizado nos meses de dezembro de 2011 a março de 2012 e conduzido na área experimental da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, campus de Chapadão do Sul-MS. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, tendo quatro lâminas de irrigação (0, 50, 100 e 150% da quantidade de água para suprir a perda de água por evapotranspiração da cultura), e quatro repetições. A irrigação foi realizada via sistema por gotejamento. Foram avaliadas as seguintes características: produtividade, número médio de tubérculos por planta, massa média por tubérculo, porcentagem de tubérculos comerciais, massa média por tubérculo comercial, porcentagem de matéria seca, comprimento, largura e espessura de tubérculos e eficiência do uso da água. As lâminas de irrigação afetaram todos os parâmetros analisados, no qual o aumento da lâmina de irrigação proporcionou elevação no número médio de tubérculos por planta de batata. Nos demais parâmetros, o excesso de água no solo proporcionou efeito negativo. A produtividade máxima de batata foi de 11.769 kg ha-1. A recomendação da irrigação na batata cultivada no cerrado sul-matogrossense, seria com reposição de 100% da evapotranspiração da cultura.


Palavras-chave


Atlantic, irrigação por gotejamento, manejo da irrigação, Solanum tuberosum

Texto completo:

PDF


Revista Agrarian
ISSN da versão impressa: ISSN 1984-252X (Cancelada)
ISSN da versão online: ISSN 1984-2538

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.