Severidade de doenças fúngicas em genótipos de soja semeados em Uberaba, MG

Jefferson Soares Alves, Sybelli Magda Coelho Gonçalves Espíndola, Fábio Teixeira Lucas, Guilherme Augusto Carrijo Teixeira, Gabriela Roncolato De Santi, Luís Paulo Miranda de Faria, Gustavo Araújo da Silva

Resumo


Este trabalho objetivou avaliar a severidade e quantificar a evolução do complexo de doenças de final de ciclo (Septoria glycines e Cercospora kikuchii) e míldio (Peronospora manshurica) em genótipos de soja na safra 2010/2011 em Uberaba, MG. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com 26 genótipos, com três repetições. Foram avaliadas as seguintes características: altura da planta na floração e na maturação, número de dias para floração e maturação, altura de inserção de 1ª vagem e produtividade de grãos (kg ha-1). Foram realizadas avaliações quinzenais com início no estádio R3 (final da floração com vagens com até 1,5 cm de comprimento) até o estádio R7.2 (entre 51 e 75% de folhas e vagens amarelas). Em cada parcela foram observadas três plantas ao acaso e diagnosticados visualmente os sintomas das folhas de acordo com as escalas diagramáticas de míldio e DFC. As linhagens 304, 557 e 829, além de apresentar menores valores para AACPD e boas características agronômicas, não diferiram da testemunha de maior produtividade, podendo ser selecionadas para os ensaios de competição de linhagens indicadas para o Estado de Minas Gerais. Destacam-se, também, as linhagens 17 e 338 que obtiveram boa produtividade e características agronômicas, mesmo apresentando maior severidade de doenças. As linhagens selecionadas permitem a opção de indicação de linhagens de ciclo mais curto com os genótipos 338, 304 e 829, e com ciclo mais tardio com os genótipos 557 e 17. Houve divergências quando comparados à ocorrência de DFC com genótipos de maior ciclo. 


Palavras-chave


Glycine max, cultivares, produtividade, melhoramento genético, AACPD

Texto completo:

PDF


Revista Agrarian
ISSN da versão impressa: ISSN 1984-252X (Cancelada)
ISSN da versão online: ISSN 1984-2538

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.